Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DED - Departamento de Educação >
DED - Programa de Pós-graduação >
DED - Educação - Mestrado Profissional (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4977

Title: A professora e o uso do computador na alfabetização
???metadata.dc.creator???: Vilas Boas, Valéria de Alvarenga Pimenta
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Vallin, Celso
???metadata.dc.contributor.referee1???: Martins, Raquel Márcia Fontes
Martins, Rosana Vieira
Gomes, Suzana dos Santos
???metadata.dc.description.concentration???: Formação de Professores
Keywords: Alfabetização
Leitura e escrita
Tecnologia digital
Professor - Formação
Alphabetization
Reading and writing
Digital technologies
Teacher formation
???metadata.dc.date.submitted???: 3-Dec-2014
Issue Date: 30-Jan-2015
Citation: VILAS BOAS, V. de A. P. A professora e o uso do computador na alfabetização. 2014. 196 p. Dissertação (Mestrado Profissional em Educação) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
???metadata.dc.description.resumo???: Os recursos tecnológicos atuais fazem parte do dia a dia de alunos e professores das escolas brasileiras e constituem possibilidades de ensino e de aprendizagem. Partindo de uma experiência vivenciada pela pesquisadora, sentiu-se a necessidade de conhecer como está se realizando o uso do computador na relação das professoras com a alfabetização de crianças. O método empregado para a realização desta pesquisa segue uma abordagem qualitativa, voltada para um estudo de caso. Tomou-se como principais referências algumas obras de Magda Soares, Mortatti, Frade, Valente e outras publicações relacionadas com a alfabetização de crianças e o uso do computador na educação. Os caminhos metodológicos seguidos se pautaram em duas etapas, sendo a primeira, a aplicação de um questionário com professoras alfabetizadoras do 1o ano do Ensino Fundamental, e a segunda, a realização de uma entrevista com um grupo menor de professoras, buscando um conhecimento mais aprofundado sobre a maneira como estão incorporando o uso do computador para alfabetizar. Para analisar os dados coletados, optou-se pelas considerações de Ludke e André (1986). Por meio dos dados, pode-se constatar que o grupo que usa o computador junto aos alunos com atividades voltadas para os domínios da leitura e da escrita, está realizando-as de forma distinta. Algumas professoras utilizam uma variedade maior de atividades, enquanto outras optam por uma única. Percebeu-se que o uso do computador não está voltado apenas para práticas instrucionistas pautadas pelo uso dos programas fechados ou softwares educacionais. As professoras buscam também uma atitude que valoriza a construção da aprendizagem por meio das atividades desenvolvidas com programas abertos. Constatou-se que todas as professoras entrevistadas já haviam passado por experiências de ensino da leitura e da escrita sem o uso desse recurso e, unanimemente, afirmaram perceber uma mudança, para melhor, no processo de alfabetização das crianças após terem trabalhado com atividades no computador. Algumas práticas interessantes foram identificadas e descritas. Observou-se que há uma necessidade de investimento na formação dessas professoras para o uso do computador, visto que apenas 7,5% delas se declararam com conhecimento e habilidade para realizarem esse uso. Concluindo as considerações, ressalta-se que o uso do computador poderá contribuir com o ensino e a aprendizagem da leitura e da escrita, mas para que isso ocorra efetivamente, a relação das professoras com o uso do computador precisa ser melhorada e consolidada. Percebe-se que existem lacunas no ambiente de formação do professor para o uso das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) e para seu trabalho em geral.
Current technological resources are a part of the daily life of students and teachers of Brazilian schools and constitute possibilities of teaching and learning. Basing on the experience lived by the researcher, arose the need to know how the computer is being used in the relation between teacher and alphabetizing children. The method employed in this research follows a qualitative approach, oriented to a case study. We took as main reference a few of the work done by Magda Soares, Mortatti, Frade, Valente and other publications related to child alphabetization and the use of the computer in education. The methodological paths followed were based on two stages, with the first being the application of a questionnaire with alphabetizing teachers of the 1st year of grade school, and the second being the interview with a smaller group of teachers, seeking a more profound knowledge on the manner in which the use of the computer is being conducted for alphabetization. To analyze the collected data we opted for the considerations of Ludke and André (1986). By means of the data, we can observe that the group that used the computer with the students, with activities oriented to the domains of reading and writing, is conducted distinctly. Some of the teachers used a variety of larger activities while others opted for a single one. We perceived that the use of the computer is not only oriented to instructionalist practices based on the use of closed programs or educational software. The teachers also seek an attitude that values the construction of apprenticeship by means activities developed with open programs. We verified that all of the teachers interviewed already had underwent reading and writing teaching experiences without the use of the resource and, unanimously, affirmed perceiving a change, to better, in the alphabetization process of children after having worked with activities on the computer. A few interesting practices were indicated and described. We observed that there is a need of investing in the formation of these teachers for using the computer, since only 7.5% of them declared having knowledge and ability for using this resource. Concluding the considerations, we highlight that the use of the computer might contribute with teaching and learning reading and writing, however, in order for this to effectively occur, the relation of teachers with the use of the computer must be improved and consolidated. We perceive that there are gaps in the environment of teacher formation for the use of the Digital Information and Communication Technologies (DICT) and for their work in general.
Description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Educação, curso Mestrado Profissional, área de concentração em Formação de Professores, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4977
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DED - Educação - Mestrado Profissional (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO_A professora e o uso do computador na alfabetização.pdf1.44 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback