Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5050

Title: Correlações entre os caracteres estruturais determinantes dos hábitos de crescimento das cultivares de feijão
???metadata.dc.creator???: Pinheiro, Lucas Rezende
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Santos, João Bosco dos
???metadata.dc.contributor.referee1???: Isaias, Rosy Mary dos Santos
Bruzi, Adriano Teodoro
Abreu, Ângela de Fátima Barbosa
Castro, Evaristo Mauro de
Keywords: Correlação genética
Phaseolus vulgaris
Anatomia
Genetic correlation
Anatomy
???metadata.dc.date.submitted???: 6-Nov-2014
Issue Date: 10-Feb-2015
???metadata.dc.description.sponsorship???: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Citation: PINHEIRO, L. R. Correlações entre os caracteres estruturais determinantes dos hábitos de crescimento das cultivares de feijão. 2015. 151 p. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
???metadata.dc.description.resumo???: Objetivou-seno presente trabalho avaliar correlações entre os caracteres estruturais determinantes dos hábitos de crescimento das cultivares de feijão.Os experimentos foram realizados em 6 safras nos anos de 2012 e 2013, em blocos casualizados, com três repetições. Os ensaios foram compostos por 20 genótipos pertencentes aos quatro diferentes tipos de hábito de crescimento. Foram obtidos dados de treze caracteres morfológicos em todas as safras e de 20 caracteres anatômicos na safra da seca de 2013.Os caracteres que melhor separaram os genótipos quanto aos seus hábitos de crescimento pelo agrupamento de Scott e Knott foram nota de porte, comprimento da haste principal, número de nós da haste principal, diâmetro do caule e massa de 100 grãos. Cada tipo de hábito de crescimento formou um grupo distinto para médias dos caracteres comprimento da haste principal e massa de 100 grãos. O efeito de ano só não foi significativo para o comprimento da haste principal e número de grãos por vagem. O efeito de safra também foi significativo para quase a totalidade dos caracteres avaliados, exceto para a nota de porte e a altura de inserção da primeira vagem. A interação entre tratamentos e safra foi significativa para os caracteres 50% de plantas com flor, comprimento da haste principal, número de vagens por planta, número de grãos por vagem e massa de 100 grãos. Nenhum caráter apresentou interação entre tratamentos e ano significativa. A interação entre ano e safra só não foi significativa para a nota de porte, número de vagens e o diâmetro do caule. As estimativas dos coeficientes de correlação fenotípica, genotípica e ambiental foram calculadas separadamente. Em uma se utilizou informações das duas safras das águas e na outra se utilizou informações das quatro safras (duas da seca e duas de inverno). Também foram obtidas estimativas dos coeficientes de correlação fenotípica entre ambientes (safras). Os caracteres mais importantes para o hábito de crescimento nas safras das águas foram o comprimento da haste principal, o número de nós da haste principal, o comprimento médio dos internódios e o diâmetro do caule, assim quanto maior a nota (melhor porte) menor a altura da planta, o número de nós na haste principal, o comprimento médio dos internódios e maior o diâmetro do caule. Os caracteres mais importantes para o hábito de crescimento nas safras da seca/inverno foram o comprimento da haste central e o diâmetro do caule.As diferenças nos caracteres anatômicos não foram capazes de separar os genótipos de acordo com seus tipos de hábito de crescimento. Somente para as médias dos caracteres comprimento da nervura da folha, espessura total da folha e largura do xilema do pecíolo os tipos de hábito foram separados em 4 grupos, sendo que o tipo de hábito I apresentou menor ELF e o tipo IV maior.A nota de porte é altamente correlacionada com o diâmetro total e do câmbio do caule.No geral os caracteres anatômicos não se correlacionaram com os diferentes hábitos de crescimento.
Abstract: The aim of this study was to evaluate cultivars with different growth habits, in the main planting seasons in southern Minas Gerais, in order to identify changes in the main morphological and agronomic characters in relation to the classification used to measure the correlation between morphological and agronomic traits related to growth habit of the bean and to evaluate the anatomical differences and their association with morpho-agronomic traits. The experiments were performed in six seasons in the years 2012 and 2013 in a randomized block design with three replications. Assays were composed of 20 different genotypes of the four types of growth habit. Data from 13 morphological characters in all seasons and 20 anatomical characters in the dry season of 2013 were obtained.The characters that best separated the genotypes according to their growth habits were growth grade, length of main stem, number of nodes on the main stem, stem diameter and weight of 100 grains. The year effect was not significant only for the length of the main and number of grains per pod rod. The effect of season was also significant for almost all traits, except for habit grade and height of the first pod. The interaction between genotypes and seasons was significant for the characters 50% of flowering plants, length of main stem, number of pods, number of seeds per pod and weight of 100 grains. No character showed significant interaction between genotypes and year. The interaction between year and seasons was not significant onlyforgrowth habit, number of pods and stem diameter. Most important characters to the growth habit for the water seasons were the length of the main stem, number of nodes on the main stem, the average internode length and stem diameter, so the higher the rating (best size) less plant height, number of nodes on the main stem, the average length of internodes and larger stem diameter. Most important characters to the growth habit for the seasons dry/winter were the length of the central stem and stem diameter.In the water seasons, there is a greater proportional influence of genetic effects on the expression of the characters. The differences in anatomical characters were not able to separate the genotypes according to their types of growth habit. Only for the average length string of the rib of the sheet, the total thickness of the sheet width and the xylem of the stem usual types were divided into 4 groups, one for each type of growth habit, with the usual type I showed lower ELF and greater type IV. The pool by the Mahalanobis distances not formed groups according to growth habit. The note size is highly correlated with the overall diameter and the exchange of the stem. Overall anatomical characters were not correlated with different growth habits.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5050
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO_Correlações entre os caracteres estruturais determinantes dos hábitos de crescimento das cultivares de feijão.pdf982.38 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback