Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/515

Título: Amostragem sistemática para determinação de fluxo gênico e métodos de detecção de eventos transgênicos em milho
Autor(es): Cantelmo, Narjara Fonseca
Membro da banca: Pinho, Édila Resende Vilela von
Resende, Luciane Vilela
Lima, Renato Ribeiro de
Área de concentração: Produção Vegetal
Assunto: PCR
Transgênico
Transgenic
Detecção
Detection
Data de Defesa: 2012
Data de publicação: 2013
Agência de Fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: CANTELMO, N. F. Amostragem sistemática para determinação de fluxo gênico e métodos de detecção de eventos transgênicos em milho. 2012. 76 p. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: O primeiro evento transgênico de milho foi liberado no Brasil no ano de 2007 e, em 2012, já são 18 eventos transgênicos desta espécie liberados, com área plantada de, aproximadamente, 9,91 milhões de hectares, em 2011. No presente trabalho objetivou-se a determinação do fluxo gênico entre híbridos transgênicos e convencionais de milho utilizando a amostragem sistemática, bem como a determinação de um tamanho de amostra eficiente para a estimação desse fluxo. Objetivou-se também a avaliação de métodos de detecção de eventos transgênicos na cultura do milho, como a tira imunocromatográfica e a PCR convencional. As amostras para estudo de fluxo gênico foram coletadas em campos de produção de grãos nos municípios de Itumirim e Madre de Deus, na safra 2010/2011 e de Ingaí, na safra 2011/2012, todos localizados no estado de Minas Gerais. Foram coletadas amostras de quatro tamanhos diferentes e em cinco distâncias do campo convencional em relação ao campo transgênico. As amostras foram submetidas a análises de PCR em tempo real para a quantificação do fluxo gênico. Para a avaliação dos métodos de detecção de transgênicos pelo teste de tiras imunocromatográficas, foram utilizadas sementes de milho dos eventos transgênicos Herculex, Round Up Ready e VTPro, com os níveis de contaminação variando de 0,2% a 1,6%. Também foram analisadas, por meio de PCR convencional, amostras com cinco níveis de contaminação: 0,1%, 0,5%, 1,0%, 5,0% e 10%. No estudo do fluxo gênico utilizando a amostragem sistemática observou-se que não houve diferença estatística entre os tamanhos de amostras e as contaminações médias com transgênicos observadas foram inferiores ao limite de 1%. No teste de tira imunocromatográfica foi possível avaliar a expressão de proteínas em níveis de contaminação de 0,2%. No PCR convencional, foi possível detectar o evento Herculex em amostras com 1% de contaminação.
The first transgenic maize event was released in Brazil in 2007 and 2012 already are 18 transgenic maize event released, with a planted area of approximately 9.91 million of hectares in 2011. The present study aimed to determine the gene flow among transgenic and conventional hybrid of maize using systematic sampling, as well as the determination of an effective sample size for this flow estimation. This study also objective the evaluation of transgenic maize event detection methods, as the lateral flow membrane strips and the conventional PCR. The samples for the gene flow study were collected in fields of grain production in the Itumirim and Madre de Deus municipalities, in the 2010/2011 crop and Ingaí in the 2011/2012 crop, all located in the Minas Gerais state. Samples were collected from four different sizes and five distances from the conventional field compared to transgenic field. The samples were analyzed using real-time PCR for gene flow quantification. To evaluate the detection methods by the lateral flow membrane strips were used corn seeds of transgenic events Herculex, Round Up Ready and VTPro with contamination levels ranging from 0.2% to 1.6%. Also were analyzed, using conventional PCR, samples with five contamination levels: 0.1%, 0.5%, 1.0%, 5.0% and 10%. In the study of gene flow used the systematic sampling observed that there was no statistical difference among the samples sizes, and the average contamination with transgenic observed were below to the limit of 1%. In the lateral flow membrane strip test was possible to evaluate the expression of proteins in contamination levels of 0.2%. In conventional PCR, it was possible to detect 1% of contamination in the Herculex samples.
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agronomia/Fitotecnia, área de concentração Produção Vegetal, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/515
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO Amostragem sistemática para determinação de fluxo gênico e métodos de detecção de eventos transgênicos em mil.pdf1 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback