Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Programa de Pós-graduação >
DAE - Administração - Mestrado (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5277

Title: Propriedade intelectual e apropriabilidade em universidades federais: Estudo multicaso no estado de Minas Gerais
Other Titles: Intellectual property and appopriability in federal universities: multicase study in the state of Minas Gerais
???metadata.dc.creator???: Rennó, André Siqueira
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Zambalde, André Luiz
???metadata.dc.contributor.referee1???: Castro, Cléber Carvalho de
De Benedicto, Samuel
???metadata.dc.description.concentration???: Gestão Estratégica, Marketing e Inovação
Keywords: Propriedade intelectual
Intellectual property
Appopriability
Inovação
Innovation
Universidade pública
Public university
???metadata.dc.date.submitted???: 6-Feb-2015
Issue Date: 2015
???metadata.dc.description.sponsorship???: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Citation: RENNO, A. S. Propriedade intelectual e apropriabilidade em universidades federais: Estudo multicaso no estado de Minas Gerais. 2015. 167 p. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
???metadata.dc.description.resumo???: O objetivo da pesquisa foi investigar e descrever os mecanismos de apropriação de conhecimento em três universidades do Estado de Minas Gerais (UFLA, UFV e UFMG). Para tanto foi realizado um estudo multicaso natureza qualitativa e exploratória, fundamentado em pesquisa bibliográfica, documental e entrevistas com roteiro semiestruturado. Ao tema, o estudo propõe um Framework de Propriedade Intelectual e Apropriabilidade em Universidades. Os principais mecanismos identificados foram: depósito de patentes, registros de software, registros de cultivares, registro de marcas, além de formação de redes, presença de incubadora de empresas de base tecnológica, presença de parque tecnológico, parcerias entre universidades e empresas e parcerias de cooperação pública. As instituições estudadas encontram-se em estágio intermediário de utilização desses mecanismos, pois poucas tecnologias foram transferidas em relação ao montante de registros. As instituições precisam evoluir no quesito transferência de tecnologia do meio acadêmico para a sociedade. Conclui-se que os Núcleos de Inovação Tecnológica ainda necessitam passar por um conjunto de estágios de amadurecimento, de modo que quanto maior for a sua capacidade de articulação com os diferentes órgãos e unidades da universidade e com a sociedade, maior será o alcance e a abrangência de seus mecanismos de apropriabilidade. Alguns NITs não possuem membros especializados em habilidades de marketing, por enquanto, sendo que invenções de alta tecnologia originárias de laboratórios de universidades precisam de um espaço de mercado/um nicho de identificação, criação de novos mercados e também de uma tradução dos resultados de laboratório para uma linguagem mais amigável para os planos de negócio de investidores. Essas habilidades não são bem desenvolvidas. Os achados dessa pesquisa constatam uma realidade de universidades que produzem tecnologias, mas poucas conseguem promovê-las e transferi-las para a sociedade.
The objective of the research was to investigate and describe the knowledge appropriation mechanisms in three s federal universities of Minas Gerais (UFLA, UFV and UFMG). Therefore we conducted a qualitative and exploratory case study, based on interviews with semi-structured script, and with bibliographic and documentary research. To this topic, the study proposes a Framework of Intellectual Property and Appropriability in Universities. The main mechanisms identified were: patents deposits, software register, cultivars register, marks registers, other complementary mechanisms were: network formation, presence of technology-based companies incubator, presence of technology park, partnerships between universities and companies, public cooperation partner ships. The institutions studied are at an intermediate stage of use of these mechanisms, where few technologies were transferred from the amount of records. Institutions need to evolve in the issue of technology transfer from academia to society. The study concludes that the University Offices of Technology Transfer (UOTT) still need to go through a set of stages, so that the greater your capacity to articulate with the different organs and units of the university and society, the greater the scope and the breadth of its appropriability mechanisms. Most UOTTs don’t have members specialized in marketing skills, for now, wherein high-tech inventions originating in university laboratories need a market space / a niche identification, creation of new markets and also a translation of the laboratory results for a more friendly language for investors business plan. These skills are not well developed. The findings of this research observe a reality of universities that produce technologies, but little can promote these technologies and return them to society.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5277
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DAE - Administração - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTACAO_Propriedade intelectual e apropriabilidade em universidades federais: Estudo multicaso no estado de Minas Gerais.pdf1.73 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback