Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5377

Título: Avaliação de silagens de milho em fazendas leiteiras de alta produção
Autor(es): Oliveira, Isabella Lasmar de
Orientador: Bernardes, Thiago Fernandes
Membro da banca: Ávila, Carla Luiza da Silva
Siqueira, Gustavo Rezende
Área de concentração: Produção e Nutrição de Ruminantes
Assunto: Silagem de milho
Manejo da silagem
Fazendas leiteiras
Corn silage
Silage management
Dairy farms
Data de Defesa: 25-Fev-2015
Data de publicação: 2015
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
Referência: OLIVEIRA, I. L. de. Avaliação de silagens de milho em fazendas leiteiras de alta produção. 2015. 56 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: No Brasil, a silagem de milho é o principal volumoso para vacas leiteiras de alta produção. A maioria das pesquisas com silagem de milho neste país foram realizadas em condições de laboratório, embora estudos limitados tenham sido realizados em fazendas. O objetivo deste experimento foi avaliar as atuais práticas de produção de silagem de milho sobre a composição microbiológica e química da silagem em nível de fazenda. Um total de 32 fazendas leiteiras de alta produção situadas em quatro estados foram visitadas e um questionário sobre a fazenda e o processo de ensilagem foi aplicado. Amostras de silagem do topo, da lateral e do centro do silo foram coletadas para avaliar a composição microbiológica e química da silagem e suas características físicas. O tamanho do silo, a altura do abaulamento, ou seja, a altura da silagem que se encontrava acima da parede do silo (super abastecimento do silo), e a taxa de retirada da silagem também foram determinados. A análise de cluster foi realizada, o que permitiu o agrupamento das fazendas. As diferenças entre os dados qualitativos foram comparadas pelo teste de X2 de Pearson para contingência das tabelas. Os dados de composição microbiológica e química foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade. Três grupos de diferentes fazendas foram identificados. O grupo 1 foi representado por fazendas que possuíam silos com maior área de painel e maior altura do abaulamento, portanto, eles obtiveram menor taxa de retirada da silagem. A maioria das fazendas desse grupo também utilizou a pá carregadeira para desabastecer o silo. Essas práticas de gestão levaram a um aumento da contagem de leveduras e pioraram o perfil fermentativo da silagem. Já a maioria das fazendas do grupo 2 foi caracterizada por possuir silos menores e com maior taxa de retirada da silagem (> 1,00 m/dia). Assim, as silagens de milho deste grupo apresentaram baixa população de leveduras e baixo pH. No geral, fazendas leiteiras de alta produção têm confeccionado silagem de milho de alta qualidade devido às boas práticas de manejo. No entanto, um pequeno número de produtores ainda precisa melhorar algumas fases da produção e utilização da silagem, incluindo o correto dimensionamento dos silos de acordo com o número de animais, além do uso de equipamentos de desabastecimento adequados (como exemplo, o uso de desensiladora acoplada ao vagão).
In Brazil, corn silage is the major roughage for high-producing dairy cows. Most of the research on corn silage in this country has been performed under laboratory conditions, but limited studies have been conducted on commercial farms. The objective of this trial was evaluated the current corn silage practices on microbial and chemical composition at the farm level. A total of 32 high input dairy farms located in four states were visited. A questionnaire about the farm and the ensiling process was applied. Samples of silage were taken at the top, silo shoulder, and core to measure microbial, chemical and physical characteristics. Silo size, silage height above wall level (overfilled bunkers), and feed-out rate also were determined. A cluster analysis was conducted, which allowed grouping of the farms. The differences between the qualitative data were compared using the Pearson X2 test for contingency tables. Data from microbial and chemical composition were subjected to analysis of variance and means were compared by the Tukey test at a 5% probability. Three different groups of farms were identified. The group 1 was represented by farms which had both higher silo face area and silage height above wall; hence, they showed lower feed-out rate. Also they used front-end loaders for unloading silage. These management practices led to increased yeast count and worse fermentation profile. Whereas, the majority of farms from group 2 had smaller bunker silos and greater feed-out rate (>1.00 per day). Thus, corn silage from this group showed both lower yeasts population and pH values. Overall, high-input dairy farming systems show high-quality corn silage due to good management practices. However, a few number of farmers need to improve some stages of silage production and utilization, including designing silos according to the number of livestock and appropriate unloading equipment (e.g., self-propelled silage scraper connected to a mixing wagon).
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia, área de concentração em Produção e Nutrição de Ruminantes, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5377
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Avaliação de silagens de milho em fazendas leiteiras de alta produção.pdf496,62 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback