Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5733

Título: Crescimento do maracujazeiro-doce propagado por sementes em função da calagem
Título Alternativo: Growth of sweet passion fruit seedlings as a function of liming
Autor(es): Fonseca, Elda Bonilha Assis
Pasqual, Moacir
Carvalho, Janice Guedes de
Corrêa, João Batista Donizeti
Assunto: Saturação por bases
Maracujá
Passiflora alata
latossolo
Base saturation
Passion fruit
Latosol
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Ago-2003
Referência: FONSECA, E. B. A. et al. Crescimento do maracujazeiro-doce propagado por sementes em função da calagem. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 27, n. 4, p. 758-764, jul./ago. 2003.
Resumo: Objetivou-se avaliar as respostas em crescimento do maracujazeiro-doce (Passiflora alata Dryand.) propagado por sementes, quando cultivado sob diferentes níveis de saturação por bases em solos representativos das regiões produtoras de Minas Gerais. O experimento foi conduzido em casa-de-vegetação do Departamento de Agricultura da Universidade Federal de Lavras-UFLA. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos casualizados em esquema fatorial (2 x 4) + 2, com quatro repetições. Os tratamentos envolveram dois solos (LATOSSOLO VERMELHO AMARELO distrófico - LVAd e LATOSSOLO VERMELHO distrófico - LVd), quatro níveis de saturação por bases (40, 60, 80 e 100%) mais dois tratamentos adicionais (LVAd sem calagem e LVd sem calagem). Aos 150 dias, determinaram-se o comprimento das hastes, número de folhas por haste, pesos de matéria seca de parte aérea e de raízes e relação raiz/parte aérea. Concluiu-se que, até 150 dias, o maracujazeiro-doce propagado por sementes apresentou maior crescimento vegetativo quando cultivado no LVd, em comparação ao LVAd, com ou sem calagem, e tolerou solos com baixos níveis de saturação por bases; o aumento do nível de saturação por bases no LVd reduziu o crescimento vegetativo do maracujazeiro-doce propagado por sementes, enquanto no LVAd, não influenciou o crescimento vegetativo.
Abstract: The objective for this work was to evaluate the growth of sweet passion fruit seedlings (Passiflora alata Dryand.) under different base saturation levels in representative soils of Minas Gerais. The experiment was carried in the greenhouse of the Agriculture Department of the Federal University of Lavras (UFLA). The statistical design used was randomized blocks in a factorial scheme (2 x 4) + 2, with four repetitions. The treatments involved two soil classes (Distrophic Red-Yellow Latosol - LVAd and Distrophic Red Latosol - LVd), four base saturation levels (40, 60, 80 and 100%) and two more additional treatments, LVAd without liming and LVd without liming. After 150 days, the stem length, number of leaves, dry matter of shoots and roots and the ratio roots/shoots were evaluated. It was concluded that the largest growth occurred in the LVd, with or without liming. The sweet passion fruit tolerates soils with low base saturation levels. The increase of base saturation levels reduced vegetative growth of plants in the LVd but had no influence in the LVAd, until 150 days.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542003000400003
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback