Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5766

Title: Heterose e capacidade combinatória de linhagens de pimentão (Capsicum annuum L.)
Other Titles: Heterosis and combining capacity of sweet pepper lines (Capsicum anuum L.)
???metadata.dc.creator???: Gomide, Márcia Lídia
Maluf, Wilson Roberto
Gomes, Luiz Antonio Augusto
Keywords: Heterose
Pimentão
Híbridação
Capacidade de combinação
Linhagens
Heterosis
Sweet pepper
Hybrids
Combining abilities
Lineage
Publisher: Editora da Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.date???: 1-Oct-2003
Citation: GOMIDE, M. L.; MALUF, W. R.; GOMES, L. A. A. Heterose e capacidade combinatória de linhagens de pimentão (Capsicum annuum L.). Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 27, n. 5, p. 1007-1015, set./out. 2003.
???metadata.dc.description.resumo???: Conduziu-se este trabalho com os objetivos de avaliar a capacidade combinatória de linhagens-elite de pimentão, identificar combinações híbridas superiores quanto à produtividade e qualidade de frutos, e inferir sobre os modos de ação gênica envolvidos na expressão dos caracteres de importância econômica. Para isso, foram realizados cruzamentos dialélicos para obtenção de híbridos, os quais foram analisados segundo o esquema dialélico parcial tipo North Carolina II, estimando-se as capacidades geral (CGC) de cada genitor dentro de cada grupo, bem como as capacidades específicas (CEC) de combinação para cada combinação de genitores. Os híbridos experimentais apresentaram heterose para produção total e massa média de fruto. A característica produção precoce é condicionada, predominantemente, por alelos recessivos. Os melhores híbridos, com perspectivas para uso comercial, foram F1 (L-3436 x L-004), F1 (L-3513 x L-004) e F1 (L-3509 x L-004). Foram obtidos valores positivos de heterose padrão variando de 7,50 a 49,89% para produção precoce, de 0,45 a 28,55% para produção total, e de 3,07 a 47,37% para massa média de fruto, em relação à cultivar-padrão Magali-R F1.
Abstract: The work was designed to evaluate the combining capacity of sweet pepper breeding lines, to identify superior hybrids for fruit yield and quality, and to infer about the mode of gene action involved in the expression of economically important pepper traits. North Carolina-II scheme partial diallel crosses were obtained, and were used to estimate general combining abilities (GCA) of parental lines and specific combining abilities (SCA) of parental combinations. There was evidence for heterosis among experimental hybrids for total yield and mean fruit mass. Early yield is conditioned, predominantly, by recessive alleles. The experimental hybrids with a promissing commercial potential were F1 (L-3436 x L-004), F1 (L-3513 x L-004) and F1 (L-3509 x L-004). Heterosis values relative to the standard cultivar Magali-R-F1 ranged from 7,50% to 49,89% for early yield; 0,45% to 28,55% for total yield; and 3,07% to 47,37% for mean fruit mass.
Other Identifiers: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542003000500006
???metadata.dc.language???: pt
Appears in Collections:Ciência e Agrotecnologia

Files in This Item:

There are no files associated with this item.

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback