Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/58258
metadata.teses.dc.title: O gênero newspost: a organização e o funcionamento de notícias publicadas no Instagram
metadata.teses.dc.title.alternative: The newspost genre: the organization and operation of news published on Instagram
metadata.teses.dc.creator: Silva, Hellen Teixeira
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://lattes.cnpq.br/9089142569832408
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Ferreira, Helena Maria
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Ferreira, Helena Maria
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Villarta-Neder, Marco Antônio
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Carvalho, Aline Torres de Sousa
metadata.teses.dc.contributor.referee4: Vieira, Daniela da Silva
metadata.teses.dc.subject: Notícia
Suportes digitais
Gênero discursivo
Instagram
Redes sociais
News
Online journalism
Support
Discursive genre
Social networks
metadata.teses.dc.date.issued: 11-Aug-2023
metadata.teses.dc.description.sponsorship: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)
metadata.teses.dc.identifier.citation: SILVA, H. T. O gênero newspost: a organização e o funcionamento de notícias publicadas no Instagram. 2023. 94 p. Dissertação (Mestrado em Letras)–Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2023.
metadata.teses.dc.description.resumo: Com o propósito de entendermos os modos de produção, de circulação e de recepção de textos publicados em contextos virtuais, o presente trabalho se dedica a analisar as estratégias linguísticas utilizadas para a organização do gênero notícia com veiculação na mídia social Instagram. A escolha por adotar o contexto de mídias digitais como objeto de estudo e não um suporte impresso ou um site de jornal eletrônico se justifica pelo propósito de analisar as especificidades constitutivas do gênero notícia quando são veiculadas em espaços mais interativos, como o meio supracitado. Para tanto, baseamo-nos em estudos de Bakthin (2020) e Sobral (2009, 2011) para tratarmos dos gêneros discursivos; em Marcuschi (2003) e Costa (2008) para discutirmos a questão do suporte dos gêneros; em Lara (2007) e Lage (2011) para abordamos o gênero notícia; em Rodrigues (et al 2009) para entendermos o jornalismo on-line e em Recuero (2009) e Santaella e Lemos (2014) para apresentarmos aspectos relacionados às mídias sociais de Internet. Em relação ao nosso banco de dados, buscamos nos perfis do jornal O Tempo e Folha de S. Paulo, no Instagram, notícias que contivessem elementos considerados característicos da publicação de notícias nessa mídia social, a qual trataremos aqui como suporte. Realizados os estudos, consideramos que os fatores que mais nos chamam a atenção e marcam a diferença entre o gênero notícia publicado em mídias sociais e em suporte impresso ou eletrônico é a interatividade e a instantaneidade com que os fatos são noticiados. A interatividade é marcada pelo diálogo e que o ciberleitor pode construir a partir da leitura da notícia: comentários escritos, emojis, likes, compartilhamento. Esse diálogo é intensificado no ambiente virtual de mídias sociais, como o Instagram, uma vez que o leitor pode concordar, discordar, complementar, exemplificar, relacionar com outras situações, enfim, posicionar-se ativamente em relação ao conteúdo ou à situação noticiada. A instantaneidade, por sua vez, está na rapidez com que a notícia chega até a redação e passa a circular entre os usuários: em muitos casos, assim que um acontecimento ocorre, já é possível ter imagens, vídeos e informações que são organizados e publicados no perfil do Instagram.
metadata.teses.dc.description.abstract: Aiming to understand the modes of production, circulation and reception of texts published in virtual contexts, this study is dedicated to analyzing the linguistic strategies used to organize the news genre broadcast on the social network Instagram. The choice to adopt the context of social networks as an object of study and not a printed medium or an electronic newspaper website is justified by the purpose of analyzing the constitutive specificities of the news genre when it is published in more interactive spaces, such as the aforementioned social network. In this regard, we relied on studies by Bakthin (2020) and Sobral (2009, 2011) to deal with discursive genres; in Marcuschi (2003) and Costa (2008) to discuss the issue of genre support; in Lara (2007) and Lage (2011) to talk about the news genre; in Rodrigues (et al 2009) to understand online journalism and in Recuero (2009) and Santaella and Lemos (2014) to present aspects related to Internet social networks. Regarding our data, we searched the profiles of the newspapers O Tempo and Folha de S. Paulo on Instagram for news that contained some elements considered characteristic of publishing news on this social network, which we will treat here as support. After carrying out the studies, we consider that the factors that most call our attention and mark the difference between online journalism and traditional journalism are the interactivity and the immediacy with which the facts are reported. Interactivity is marked by strong dialogue and signals that cyber readers can provide regarding their impressions about the text: written comments, emojis, likes, sharing; all this can only be found in the virtual environment of social networks like Instagram. Immediacy, in turn, is in the speed with which the news reaches the newsroom and starts to circulate among users: in many cases, as soon as an event occurs, it is already possible to access images, videos and information that are organized and published on the Instagram profile. Updates on the case are also as fast as it is post.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/58258
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DAE - Administração - Mestrado (Dissertações)



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons