Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/5905

Título: Energia metabolizável de alguns alimentos energéticos para frangos de corte, determinada por ensaios metabólicos e por equações de predição
Título Alternativo: Metabolizable energy of some energy foods for broilers, determined by metabolic assays and prediction equations
Autor(es): Nagata, Adriano Kaneo
Rodrigues, Paulo Borges
Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de
Bertechini, Antônio Gilberto
Fialho, Elias Tadeu
Assunto: Predição da energia
composição química
Milho
Milho - Subprodutos
Milheto
Sorgo
Prediction of the energy
Chemical composition
Corn
Corn - by-products
Millet
Sorghum
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Jun-2004
Referência: NAGATA, A. K. et al. Energia metabolizável de alguns alimentos energéticos para frangos de corte, determinada por ensaios metabólicos e por equações de predição. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 28, n. 3, p. 669-677, maio/jun. 2004.
Resumo: Dois ensaios metabólicos com pintos em crescimento (método tradicional de coleta total de excretas) foram conduzidos no Departamento de Zootecnia da UFLA, Lavras - MG, para determinar a Energia Metabolizável Aparente corrigida (EMAn) de alguns alimentos, bem como a determinação dessa energia por equações de predição descritas na literatura nacional e estrangeira. No ensaio I, determinou-se a EMAn de alguns alimentos energéticos alternativos ao milho (gérmen de milho, quirera de milho, milheto moído e em grão e sorgo moído e em grão) e, em um segundo, a EMAn de sete híbridos de milho. Paralelamente aos experimentos, foram realizadas as análises laboratoriais para a determinação da composição centesimal dos alimentos testados, a qual foi usada na predição da EMAn pelas equações. Os valores calculados foram, então, comparados com os observados, utilizando-se a correlação de Spearman, teste de agrupamento SCOTT-KNOTT e intervalos de confiança (IC) a partir dos valores de EMAn obtidos nos ensaios metabólicos. A EMAn do milheto foi de 3223 e 3279 kcal/kg de MS para a amostra moída e em grão, respectivamente. O sorgo apresentou uma EMAn de 3529 e 3573 kcal/kg de MS, moído e em grão, respectivamente. A EMAn determinada para o gérmen de milho foi de 3503 kcal/kg de MS, enquanto, para a quirera de milho, foi de 3351 kcal/kg de MS. Os valores energéticos dos híbridos variaram de 3665 a 3804 kcal/kg de MS. Entre as equações estudadas, a equação 4021,8 - 227,55MM foi a única que se correlacionou (P<0,01) com valor médio de EMAn observada in vivo, além de estimar o maior número de valores energéticos dentro do IC calculado. As demais equações não se correlacionaram (P<0,01) com os valores de EMAn. Diante dos resultados obtidos neste experimento, pode-se concluir que a equação 4021,8 - 227,55MM é a mais indicada para predizer valores de EMAn dos alimentos estudados.
Abstract: Two metabolism assays were carried out with chicks in growth (traditional method of total collection of excreta) in the Animal Science Department of UFLA, Lavras - MG, to determinate of the nitrogen-corrected Apparent Metabolizable Energy (AMEn) of some feedstuffs, as well as the determination of the energy values by prediction equations presented in the national and international literature. In the assay I, it was determined AMEn of some energy alternative feedstuffs to the corn (corn germ, corn quirera, ground and grain millet and ground and grain sorghum) and, in the second, AMEn of the seven corn hybrids. At same time to the experiments, it were realized laboratory analyses for determination centesimal composition of the tested feedstuffs. The food composition it was used in the prediction AMEn by equations. The calculated values were, then, compared with observed, using the Spearman correlation and SCOTT-KNOTT test. In addition, confidence intervals were obtained by the metabolic assays. Ground millet AMEn was similar to AMEn grain millet (3223 and 3279 kcal/kg DM respectively), being the same observed for the sorghum (3529 and 3573 kcal/kg DM, ground and grain, respectively). The AMEn for the corn germ was 3503 kcal/kg DM, while, for the corn quirera, it was 3351 kcal/kg DM. The corn hybrids energy values varied from 3665 to 3804 kcal/kg DM. Among the studied equations, the 4021.8 - 227.55ash equation only correlated (P<0,01) with AMEn mean value observed in vivo, estimating the largest number of energy values inside of calculated confidence intervals. The other equations were not correlated (P<0,01) with the AMEn values. The results obtained in this assays, allow concluded that the 4021.8 - 227.55ash equation should be used to predict EMAn values of the studied feedstuffs.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542004000300025
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback