Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/597
Título: Frequência de desfolhação em pastagens consorciadas de capim-Xaraés com diferentes proporções de estilosantes Mineirão
Autor : Menezes, Rodrigo Carvalho
Primeiro orientador: Bernardes, Thiago Fernandes
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Evangelista, Antônio Ricardo
Primeiro membro da banca: Casagrande, Daniel Rume
Lara, Márcio André Stefanelli
Paciullo, Domingos Sávio Campos
Área de concentração: Nutrição e Produção de Ruminantes - Forragicultura e Pastagens
Palavras-chave: Leguminosas
Gramínea
Manejo do pastejo
Consórcio
Pasture management
Consortium
Legume plant
Grass
Data da publicação: 2013
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq
Referência: MENEZES, R. C. Frequência de desfolhação em pastagens consorciadas de capim-Xaraés com diferentes proporções de estilosantes Mineirão. 2012. 91 p. Dissertação (Mestrado em Nutrição e Produção de Ruminantes - Forragicultura e Pastagens)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: Objetivou-se com esse trabalho determinar as respostas em função das frequências de desfolhação na produtividade de pastagens consorciadas de capim-Xaraés com diferentes proporções de estilosantes Mineirão por meio de lotação intermitente. As unidades experimentais foram alocadas em um esquema de parcelas subdivididas, onde as parcelas principais foram as composições botânicas dos pastos (24%, 34%, 45% e 52% de leguminosa) e as subparcelas foram duas frequências de desfolhação (30 e 45 cm de altura) com duas repetições. A estrutura do capim-Xaraés, a taxa de lotação, a taxa de acúmulo de forragem e o comportamento de vacas da raça Tabapuã foram avaliados a partir de março de 2011 a maio de 2012. As avaliações das características morfogênicas e estruturais iniciaram em novembro de 2011 e terminaram em maio de 2012, sendo este o único período. A Taxa de aparecimento de folhas (TapF) do capim-Xaraés, nos pastos com composição botânicas no início do experimento de 24% de leguminosa foi menor em relação aos demais que tinham 34, 45 e 52% de leguminosa na composição botânica. A Taxa de alongamento de colmos (TALC) foi maior nos pastos com 45 e 52% de leguminosa. A TapF foi maior na maior frequência. As TALC e Taxa de senescência de folhas (TSF) foram maiores nos tratamentos com menores frequências de corte. O Comprimento final das folhas expandias (CFF) foi maior na maior frequência de desfolhação e o contrário ocorreu com o Comprimento médio do colmo (CC). As pastagens com 52% de leguminosa apresentaram maior taxa de acúmulo de forragem no. A taxa de acúmulo de forragem foi maior na maior frequência de desfolhação no segundo período, já no terceiro a taxa de acúmulo foi maior na menor frequência de desfolhação. A Taxa de lotação (TL) foi maior nos pastos com 52% de leguminosa. A maior frequência de desfolhação geral maior TL. Os piquetes manejados a 30 cm tiveram menor massa de colmo. A massa de forragem pré-pastejo aumentou ao longo dos períodos na menor frequência de desfolhação. A massa de resíduo na estratégia de desfolhação aos 45 cm aumentou do primeiro para o segundo e deste para o terceiro período. A massa de folha foi menor na estratégia de desfolhação aos 30 cm. As desfolhações aos 30 cm de altura resultaram em menores massas de colmo no pré-pastejo. A massa de material morto foi maior na estratégia de pastejo aos 45 cm. O tempo gasto pelos animais com as atividades de pastejo e ruminação na maior frequência de desfolhação foi menor do que na menor frequência de desfolhação. Pastos consorciados de capim-Xaraés e estilosantes Mineirão devem ser manejados com 52, 45 ou 34% de leguminosa em massa na composição botânica e com frequência de desfolhação aos 30 cm de altura.
This work aimed at determining the responses regarding disfoliation frequency in the productivity of mixed pastures of Xaraés palisadegrass with different proportions of Mineirão stylosanthes by means of intermittent stocking. The experimental units were allocated in a scheme of subdivided parcels, in which the main parcels were the botanical compositions of the pastures (24%, 34%, 45% and 52% of legume plants) and the subparcels were two disfoliation frequencies (30 and 45 cm of height) with two replicates. The structure of the Xaraés palisadegrass, the stocking rate, the herbage accumulation rate and the behavior of the Tabapuã cows were evaluated from March of 2011 to May of 2012. The evaluations of the morphogenic and structural characteristics began in November 2011 and ended in May of 2012, this being the only period. The leaf appearance rate (LapR) of the Xaraés palisadegrass in pastures of botanical composition in the beginning of the experiment of 24% of legume plants was larger in relation to the others which had 34, 45 and 52% of legume plants in the botanical composition. The stem elongation rate (SELR) was larger in the pastures with 45 and 52% of legume plants. The LapR was larger in the higher frequency. The SELR and the leaf senescence rate (LSR)were larger in the treatments with lower harvest frequency. The final leaf length (FLL) of fully expanded leaves was larger in the higher disfoliation frequency and the contrary occurred with the average stem length (SL). The pastures with 52% of legume plants presented a larger herbage accumulation rate. The herbage accumulation rate was larger in the higher disfoliation frequency in the second period, while in the third period the accumulation rate was larger in the lower disfoliation frequency. The stocking rate (SR) was larger in the pastures with 52% of legume plants. The higher disfoliation frequency generated larger SR. The paddocks managed at 30 cm had a smaller stem mass. The pre-grazing forage mass increased over the periods in the lower disfoliation frequency. The residue mass in the disfoliation strategy of 45 cm increased from the first to the second and from this to the third period. The leaf mass was smaller in the disfoliation strategy of 30 cm. The disfoliations at 30 cm of height resulted in smaller stem masses in the pre-grazing. The mass of dead material was larger in the grazing strategy at 45 cm. The time the animals spent with grazing and rumination activities in the higher disfoliation frequency was smaller than in the lower disfoliation frequency. Mixed pastures of Xaraés palisadegrass and Mineirão stylosanthes must be managed with 52, 45 or 34% of legume plants in the botanical composition mass and with a disfoliation frequency at 30 cm of height.
metadata.teses.dc.description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia, área de concentração em Nutrição e Produção de Ruminantes - Forragicultura e Pastagens, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/597
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.