Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/599

Título: Ractopamina em rações para suínos em terminação submetidos a diferentes ambientes térmicos
Autor(es): Philomeno, Renato
Orientador: Cantarelli, Vinicius de Souza
Coorientador(es): Zangeronimo, Márcio Gilberto
Membro da banca: Sousa, Raimundo Vicente de
Ferreira, Rony Antônio
Abreu, Márvio Lobão Teixeira de
Área de concentração: Produção e Nutrição de Monogástricos
Assunto: Desempenho
Estresse de calor
Modificador de carcaça
Temperatura ambiental
Performance
Heat stress
Carcass modifier
Data de Defesa: 2012
Data de publicação: 2013
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq
Referência: PHILOMENO, R. Ractopamina em rações para suínos em terminação submetidos a diferentes ambientes térmicos. 2012. 116 p. Dissertação (Mestrado em Produção e Nutrição de Monogástricos)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: O experimento foi conduzido na Câmara Climática da Sala de Metabolismo do Centro Experimental de Suínos (CES) do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras (UFLA), no município de Lavras, região Sul de Minas Gerais. Foram utilizados 144 suínos machos castrados, com peso médio inicial de 65 kg, com o objetivo de avaliar o efeito do calor sobre a utilização de ractopamina em suínos machos castrados em terminação. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, em esquema fatorial 4x2, sendo quatro rações com níveis crescentes de ractopamina (RAC) (0,0ppm; 5,0 ppm; 10,0 ppm; 15,0 ppm), e duas condições de criação (conforto térmico a 20°C; e estresse térmico a 32°C) em seis repetições, com parcela experimental representada por três animais. As dietas experimentais foram formuladas à base de milho e farelo de soja, atendendo às exigências nutricionais, além do que, os níveis de aminoácidos digestíveis como lisina, metionina, treonina e triptofano foram corrigidos para dietas com ractopamina de acordo com Rostagno et al. (2011) para suínos machos castrados de alto potencial genético com desempenho médio dos 70 aos 100kg. O período experimental foi de 28 dias e as variáveis analisadas foram: ganho de peso diário, consumo de ração diário, conversão alimentar, frequência respiratória, temperatura retal, parâmetros hormonais (concentração sérica de triiodotironina-T3), área de olho de lombo, profundidade de lombo, espessura de toucinho e peso de órgãos (coração, rim e pulmão). A utilização de RAC melhorou (P<0,05) as variáveis de desempenho, não havendo interação significativa (P<0,05) da temperatura ambiental, o mesmo foi observado para as concentrações séricas de T3 (P<0,05). As temperaturas influenciaram (P<0,05) frequência respiratória e temperatura retal sem interferência dos níveis de RAC. Os pesos de coração e pulmão não tiveram diferença significativa (P<0,05), apenas os pesos dos rins diminuíram (P<0,05) com o aumento da inclusão de RAC e o peso do fígado teve diferenças significativas (P<0,05) devido à interação do ambiente e os níveis de RAC. Não houve diferenças significativas (P<0,05) para as variáveis de carcaça. Conclui-se que a ractopamina melhora as variáveis de desempenho, além de interferir nas concentrações de T3, embora não altere a frequência respiratória e temperatura retal dos suínos, sendo esta última alterada pelas condições ambientais. A utilização da ractopamina reduz o peso dos rins e não altera as características de carcaça.
The experiment was conducted in the House's Climate Center Room Metabolism Experimental Swine (CES) at the Department of Animal Science, Federal University of Lavras (UFLA), in Lavras, southern Minas Gerais. One hundred forty-four barrows were used with an average initial weight of 65 kg, with the objective to evaluate the heat effect on the use of ractopamine in finishing barrows. The experimental design was a randomized block in factorial 4x2, four diets with increasing levels of ractopamine (RAC) (0.0 ppm, 5.0 ppm, 10.0 ppm, 15.0 ppm), and two rearing conditions (thermal comfort at 20°C, and heat stress at 32°C) in six replicates with experimental plot represented by three animals. The experimental diets were formulated based on corn and soybean meal, meeting the nutritional requirements, in addition the levels of digestible amino acids such as lysine, methionine, threonine and tryptophan were corrected for diets with ractopamine according to Rostagno et al. (2011) for barrows of high genetic potential with average performance from 70 to 100kg. The experimental period was 28 days and the variables analyzed were: daily weight gain, daily feed intake, feed conversion, respiratory rate, rectal temperature, hormonal parameters (serum concentration of triiodothyronine-T3), loin eye area, depth loin, backfat thickness and organs weight (heart, kidney and lung). The RAC use improved (P<0.05) the performance variables, with no significant interaction (P<0.05) of the ambient temperature, the same was observed for serum concentrations of T3 (P<0.05). The temperatures influenced (P<0.05) respiratory rate and rectal temperature without interference levels RAC. The weight of heart and lung had no significant differences (P<0.05), only the kidneys weights decreased (P<0.05) with increasing addition of RAC and liver weight had significant differences (P<0.05) due to the interaction of the environment and the levels RAC. No significant differences (P<0.05) for the variables of carcass. It is concluded that ractopamine improves the performance variables, besides interfering in the concentrations of T3, but does not alter the respiratory rate and rectal temperature of the swines, the latter being altered by environmental conditions. The ractopamine use reduces the weight of the kidney and does not alter the carcass characteristics.
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia, área de concentração em Produção e Nutrição de Monogástricos, para obtenção de título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/599
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO Ractopamina em rações para suínos em terminação submetidos a diferentes ambientes térmicos.pdf533,42 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback