Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6004

Título: Comparação entre métodos para estimar a produtividade de grãos de milho
Título Alternativo: Comparison between methods for grains yield estimation in corn field
Autor(es): Rodrigues, Victor do Nascimento
Von Pinho, Renzo Garcia
Paglis, Carlos Maurício
Bueno Filho, Júlio Sílvio de Sousa
Brito, André Humberto de
Assunto: Zea mays
Milho
Estimativa de produção
Produtividade de grãos
Corn
Estimative of productivity
Productivity of grains
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Fev-2005
Referência: RODRIGUES, V. do N. et al. Comparação entre métodos para estimar a produtividade de grãos de milho. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 29, n. 1, p. 34-42, jan./fev. 2005.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a eficiência de dois métodos utilizados para estimar a produtividade de grãos em lavouras comerciais de milho. Foram avaliados o método de Reetz, desenvolvido na Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, e o método da Emater-MG, utilizado em concursos de produtividade. Analisou-se a eficiência dos métodos em três áreas, sendo uma na UFLA, uma na Fazenda Campo Lindo em Lavras-MG e uma na Fazenda Dutra em Itumirim-MG, obtendo-se as produtividades estimadas e as produtividades reais em cada local. Para obtenção das produtividades estimadas, as áreas foram divididas em 4 talhões, sendo colhida uma parcela por talhão. Cada parcela constituiu-se de 7 sub-amostras de 4 m² com 3 espigas cada, distribuídas em 4 linhas de 10 m. Para o método de Reetz, utilizou-se na expressão de cálculo o número de espigas em 4m², o número de fileiras de grãos e o número de grãos por fileira. Para o método da Emater, utilizou-se o espaçamento entre fileiras, número de espigas em 10 m e o peso médio de grãos por espiga. Com as estimativas das sub-amostras, foram feitas análises de variância para cada local e para cada método. Com os componentes da variância foram determinadas as funções desta, de acordo com o número de parcelas e sub-amostras para posterior determinação de intervalos de 95% de confiança da produtividade média estimada pelos métodos, com o intuito de verificar se estes continham as produtividades reais dos locais. Conclui-se que o método da Emater é útil para comparações entre produtividades de diferentes áreas, podendo ser reduzido pela metade o número de espigas amostradas por parcela. Esse método tende a superestimar a produtividade real com o aumento do número de parcelas e sub-amostras, dado o aumento da precisão das estimativas. O método de Reetz precisa ser adaptado a grupos de híbridos com características semelhantes.
Abstract: The objective of this work was to evaluate the efficiency of two methods used to estimate the productivity of grains on commercial corn farms. The Reetz method, developed at the University of Illinois, in the United States, and the Emater–MG method, used in productivity contests were appraised. The efficiency of the methods was analyzed in three areas, one being in the UFLA and one in Campo Lindo farm in Lavras–MG, and one in Dutra farm in Itumirim–MG. The productivity estimates and the real productivity being obtained in each local. For obtaining of the estimated productivities, the areas were divided in 4 plots, one portion being harvested per plot. Each portion was made up of 7 sub-samples of 4 m2 with 3 ears of corn each, distributed in 4 lines of 10 m. For the Reetz method, the number of ears of corn in 4m2, the number of rows of grain and the number of grains per row were used in the calculation expression. For the Emater method, the spacing among lines, number of ears of corn in 10 m and the average grain weight per ear of corn was used. With the estimates of the sub-samples, variance analysis were made for each local and for each method. With the variance components of each analysis, variance functions were determined in accordance with the number of portions and sub-samples for subsequent determination of intervals of 95% confidence of the estimated average productivity for the methods, with the intention of verifying if these contained the real productivities of the locals. It is concluded that the Emater method is useful for comparisons among productivities of different areas. The number of ears of corn sampled per portion that has been recommended by the Emater method can be reduced by half. The Emater method tends to overestimate the real productivity with the increase of the number of portions and sub-samples, given the increase of the precision of the estimates. The Reetz method needs to be adapted to hybrid groups with similar characteristics.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542005000100004
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback