Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6049

Título: Adaptabilidade e estabilidade de cultivares de alfafa avaliadas em Minas Gerais
Título Alternativo: Adaptability and stability of alfalfa cultivars in Minas Gerais
Autor(es): Botrel, Milton de Andrade
Evangelista, Antônio Ricardo
Viana, Maria Celuta Machado
Pereira, Antônio Vander
Souza Sobrinho, Fausto de
Oliveira, Jackson Silva e
Xavier, Deise Ferreira
Heinemann, Alexandre Bryan
Assunto: Medicago sativa
Interação genótipo x ambiente
Produção de forragem
Genotype environment interaction
Yield forage
Medicago sativa L.
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Abr-2005
Referência: BOTREL, M. de A. et al. Adaptabilidade e estabilidade de cultivares de alfafa avaliadas em Minas Gerais. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 29, n. 2, p. 409-414, mar./abr. 2005.
Resumo: Objetivou-se com este trabalho foi avaliar a adaptabilidade e estabilidade de cultivares de alfafa cultivadas em diferentes regiões do Estado de Minas Gerais (Zona da Mata, Zona Metalúrgica e Sul de Minas), quanto à produção de matéria seca de forragem. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com três repetições. Foi avaliada a produção de matéria seca de 27 cultivares de alfafa no período de 1995 a 1998. O estudo da adaptabilidade e estabilidade foi realizado por meio das metodologias de Eberhart & Russell (1966) e Lin & Binns (1988). Houve diferenças significativas (P < 0,01) entre as cultivares, os ambientes e a interação cultivar x ambiente, indicando que as cultivares apresentaram desempenho diferenciado diante das variações ambientais. Constatou-se que as cultivares que apresentaram as maiores produções de matéria seca, foram as de maior adaptabilidade e estabilidade pelo método de Lin & Binns. As cultivares Crioula e P-30 são recomendadas para cultivo no Estado de Minas Gerais.
Abstract: The objective of this experiment was to evaluate the adaptability and stability of forage dry matter production of alfalfa cultivars in three different regions in the State of Minas Gerais (Mata, Metalurgica and South). Twenty-seven cultivars of alfalfa were evaluated between 1995 and 1998 using randomized block design with three replications. Adaptability and stability were evaluated using Eberhart & Russel (1966) and Lin & Binns (1988) methodologies. Significant differences (P < .01) among cultivars, environments and the cultivar x environment interactions were observed, showing that cultivars performance is affected by environment. Cultivars with highest dry matter production showed the best adaptability and stability. Cultivars Crioula and P-30 should be recommended to be used in the State of Minas Gerais.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542005000200019
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback