Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6087

Título: Aspectos biológicos de Trichogramma galloi Zucchi, 1988 (Hymenoptera: Trichogrammatidae) criados em ovos de Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794) (Lepidoptera: Crambidae)
Título Alternativo: Biological aspects of Trichogramma galloi Zucchi, 1988 (Hymenoptera: Trichogrammatidae) reared on eggs of Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794) (Lepidoptera: Crambidae)
Autor(es): Pereira-Barros, Josean Leite
Broglio-Micheletti, Sônia Maria Forti
Santos, Adriano Jorge Nunes dos
Carvalho, Lucyo Wagner Torres de
Carvalho, Luiz Henrique Torres de
Oliveira, Carlos José Tavares de
Assunto: Biologia
Controle biológico
Parasitóide
Biology
Biological control
Parasitoid
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Ago-2005
Referência: PEREIRA-BARROS, J. L. et al. Aspectos biológicos de Trichogramma galloi Zucchi, 1988 (Hymenoptera: Trichogrammatidae) criados em ovos de Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794) (Lepidoptera: Crambidae). Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 29, n. 4, p. 714-718, jul./ago. 2005.
Resumo: Alguns aspectos biológicos de Trichogramma galloi Zucchi, 1988 (Hymenoptera: Trichogrammatidae) criados em ovos de Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794) (Lepidoptera: Crambidae), foram estudados em laboratório a 26±2ºC; UR 60±10% e fotofase de 12 horas. Os resultados obtidos mostraram um período médio de desenvolvimento pré-imaginal de 9,46±0,7 dias e uma viabilidade média de 78,05%. O número médio de T. galloi emergido por ovo do hospedeiro foi de 2,29. Nas criações em laboratório, as fêmeas de T. galloi foram predominantes. A longevidade de machos e fêmeas foi, em média 3,26±0,12 dias (sem alimento) e 6,36±0,19 dias (alimentando-se com mel). Os ovos de D. saccharalis de primeiro dia apresentaram parasitismo médio de 79,3±5,25% e os de segundo dia 55,2±2,33%.
Abstract: Some biological aspects of the parasitoid Trichogramma galloi Zucchi, 1988 (Hymenoptera: Trichogrammatidae) reared on eggs of Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794) (Lepidoptera: Crambidae) were studied in the laboratory, at 26ºC, UR 60±10% and 12 hours photophase. The studies showed a life cycle, from egg to adult, of 9.46±0.7 days and a survival rate of 78.05%. The mean number of T. galloi emerged by egg of sugar cane borer was of 2.29. Females were predominant in the laboratory rearing and the longevity of males and females was, on the average, 3.26±0.12 days (without feeding) and 6.36±0.19 days (feeding with honey). The parasitism was between 79.3±5.25% and 55.2±2.33%, in eggs of first and second days, respectively.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542005000400002
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback