Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6109

Title: Relação entre tricomas foliares de genótipos de feijoeiro comum, Phaseolus vulgaris L. e resistência a Diabrotica speciosa Germar, 1824 (Coleoptera: Chrysomelidae)
???metadata.dc.creator???: Paron, Maria José Fachini de Oliveira
Lara, Fernando Mesquita
Keywords: Pubescência
Preferência alimentar
Resistência de plantas
Feijão
Fabaceae
Publisher: Editora da Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.date???: 1-Aug-2005
Citation: PARON, M. J. F. de O.; LARA, F. M. Relação entre tricomas foliares de genótipos de feijoeiro comum, Phaseolus vulgaris L. e resistência a Diabrotica speciosa Germar, 1824 (Coleoptera: Chrysomelidae). Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 29, n. 4 , p. 894-898, jul. 2005.
???metadata.dc.description.resumo???: Considerando que a pubescência foliar pode afetar a preferência alimentar do inseto, com o presente estudo objetivou-se verificar a influência da pilosidade dos folíolos na resistência de genótipos de feijoeiro a D. speciosa. O experimento foi conduzido em delineamento experimental inteiramente casualizado, com seis tratamentos e oito repetições. Os tratamentos foram seis genótipos de feijoeiro: Emgopa Ouro e IAPAR 57, do centro de domesticação Mesoamericano (MA) e Jalo Precoce, Goiano Precoce, PR 10595142 e PR 10595146 do centro de domesticação Andino (AN). Cada parcela foi constituída por um vaso com 1,2 Kg de solo e uma planta encerrada em um telado individual. No 25º dia após o plantio, em cada telado foram liberados dez adultos de D. speciosa, após jejum de 24 horas, durante 72 horas. Os danos sofridos foram estimados de acordo com a área consumida em cada genótipo. Os tricomas das folhas dos genótipos foram contados usando microscópio estereoscópico (40x), com uma escala micrométrica sobre 1 cm² de área da superfície abaxial (AB) e adaxial (AD), contando-se os tricomas unciformes e aciculares presentes em cinco folhas de cada genótipo. O genótipo IAPAR 57 (MA) foi o preferido no teste de alimentação, enquanto os genótipos andinos foram menos consumidos por adultos de D. speciosa. Os genótipos apresentaram variabilidade quanto ao número de tricomas, tanto aciculares quanto unciformes, em ambas as superfícies, abaxial e adaxial. Os genótipos andinos não diferiram quanto ao número de tricomas unciformes na superfície adaxial. O somatório do número de tricomas aciculares e unciformes na superfície abaxial dos genótipos sugerem relação inversa entre esta característica e a área consumida por D. speciosa.
Other Identifiers: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542005000400024
???metadata.dc.language???: pt
Appears in Collections:Ciência e Agrotecnologia

Files in This Item:

There are no files associated with this item.

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback