Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6174

Título: Tipo de estaca e concentração de ácido indobutírico na propagação da Lichieira
Título Alternativo: Type of cuttings and concentration of indolbutyric acid on the lychee tree propagation
Autor(es): Bastos, Débora Costa
Pio, Rafael
Scarpare Filho, João Alexio
Almeida, Luis Felipe Paes de
Entelmann, Fábio Albuquerque
Alves, André Siqueira Rodrigues
Assunto: Lichia – Desenvolvimento
Plantas – Reguladores
Estaquia
Litchi chinensis – Development
Plant regulators
Cuttings
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Fev-2006
Referência: BASTOS, D. C. Tipo de estaca e concentração de ácido indobutírico na propagação da Lichieira. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 30, n. 1, p. 97-102, jan./fev. 2006.
Resumo: Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de estudar o potencial de enraizamento de estacas de lichieira cultivar Bengal, tratadas com diferentes concentrações de ácido indolbutírico. Estacas semilenhosas e lenhosas de lichieira foram coletadas de ramos de plantas matrizes da cultivar Bengal, padronizadas com 12 cm de comprimento e submetidas à aplicação de quatro concentrações de AIB (0, 2000, 4000 e 6000 mg L-1), em imersão por quinze segundos. Posteriormente, foram colocadas em bandejas de poliestireno, contendo o substrato vermiculita de grânulos médios, sendo transferidas para câmara de nebulização intermitente com umidade e temperatura controladas. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado em arranjo fatorial 2 x 4, com 4 repetições e 10 estacas/parcela. Após 130 dias, foram avaliadas as porcentagens de estacas enraizadas, estacas vivas, formação de calos e número de raízes emitidas por estaca. Conclui-se que a o AIB aumenta a porcentagem de estacas enraizadas de lichieira. Estacas semilenhosas apresentam maior potencial de enraizamento em comparação às estacas lenhosas. A utilização da estaquia em lichieira é um método promissor na produção de mudas dessa frutífera.
Abstract: This work was carried out with the objective to study rooting potential of lychee cuttings cultivar Bengal treated with different concentrations of indolbutyric acid (IBA). Semi hardwood and hardwood cuttings of lychee tree were collected of branches of stock plants of cultivar Bengal standardized with 12 cm of length, and submitted to application of four concentrations of IBA (0, 2,000, 4,000, and 6,000 mgL-1) for 15 seconds immersion. Later the cuttings were placed in polyestyrene trays containing vermiculite as substrate and maintained in greenhouse under intermittent mist with moistness and temperature controlled. The experimental design was completely randomized, with the factorial 2 x 4, with 4 replicates and 10 cuttings each plot. After 130 days, the rooting percentage, survival percentage, callus formation percentage and medium root number per cuttings were evaluated. It was conclued that the IBA increases the rooting percentage of lychee cuttings. Semi hardwood cuttings showed higher the rooting potential in comparison with the hardwood cuttings. The utilization of lychee cuttings is a method applied in the changes production of this fruitful.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542006000100014
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback