Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6195

Título: Indução de calos em espécies amazônicas do gênero Theobroma
Título Alternativo: Callus induction in amazonian species of the Theobroma genus
Autor(es): Silva, Marivana Borges
Ramos, Alessandra de Rezende
Venturieri, Giorgini Augusto
Assunto: Embriogênese
Explantes
TDZ
Embryiogenesis
Explants
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Abr-2006
Referência: SILVA, M. B.; RAMOS, A. de R.; VENTURIERI, G. A. Indução de calos em espécies amazônicas do gênero Theobroma. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 30, n. 2, p. 257-265, mar./abr. 2006.
Resumo: Vários trabalhos vem sendo desenvolvidos sobre o cultivo in vitro de cacau (T.cacao), mas são raros para a maioria das outras espécies do gênero, como o cupuaçu (T. grandiflorum), cuja a área plantada vem aumentando expressivamente, e outras que poderiam servir de fonte de genes para as espécies economicamente já reconhecidas. Protocolos para obtenção de embriões somáticos in vitro para as espécies T. cacao,T. grandiflorum,T. speciosum e o híbrido T. grandiflorum x T. obovatum foram avaliados a partir de duas fontes de explantes, estaminódios e pétalas (formadas por lígulas e cógulas) cultivados em meio de crescimento primário de calo, consistindo de sais DKW, suplementado com 20 g l-1 de sacarose, 250 mg l-1de glutamina, 200 mg l-1de mio-inositol, 0,2 mg l-1 de tiamina-HCl, 0,1 mg l-1 de ácido nicotínico, 0,2 mg l-1 de glicina, 2 mg l-1 de 2,4-D, 2,2 g l-1 de Gelrite® e pH 5,8. A este meio foram adicionadas diferentes concentrações de tidiazuron (0, 5 e 10 µg l-1). As culturas foram mantidas no escuro por 14 dias, à temperatura de 25 ± 2 ºC, e então transferidas para meio de crescimento secundário de calo, constituído de sais WPM, vitaminas de Gamborg, 20 g l-1 de sacarose, 2 mg l-1 de 2,4 D, 0,3 mg l-1 de cinetina, 50 ml l-1 de água de côco, 2,2 g l-1 de Gelrite® e pH 5,8. A formação de calos ocorreu em todas as espécies. Embriões somáticos foram obtidos somente para T. cacao. A calogênese mostrou-se influenciada pelo genótipo e foi maior nos estaminódios.
Abstract: Many works have been done on cocoa (Theobroma cacao) in vitro culture, with few studies being published for other species of the same genus, as cupuassu (T. grandiflorum), whose planted area is increasing expressively, and others that could be used as a source of genes for those with recognized economical importance. Protocols to obtain in vitro somatic embryos from T. cacao,T. grandiflorum,T. speciosum and the hybrid T. grandiflorum x T. obovatum from two sources of explants, staminodes and petals (formed by ligues and cogules) were evaluated, using a primary callus growth medium made of DKW salts, supplemented with 20 g l-1 of sucrose, 250 mg l-1 of glutamine, 200 mg l-1 of myo-inositol, 0.2 mg l-1 of thyamine-HCl; 0.1 mg l-1 of nicotinic acid; 0.2 mg l-1 of glycine; 2 mg l-1 of 2,4-D; 2.2 g l-1 of Gelrite® and the pH adjusted to 5.8. To this media was added different concentrations of thidiazuron (0; 5 and 10 µg l-1). Cultures were maintained at dark for 14 days, at a temperature of 25 ± 2 ºC, and so transferred for the secondary callus growth, made with WPM salts, Gamborg vitamins, 20 g l-1 of sucrose, 2 mg l-1 of 2,4 D; 0.3 mg l-1 of cinetin, 50 ml l-1 of coconut milk, 2.2 g l-1 of Gelrite® and the pH adjusted to 5.8. Callus formation occurred in all species. Somatic embryos were obtained only for T. cacao. Callus formation was influenced by genotype and was higher on staminodes.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542006000200010
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback