Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6213

Title: Avaliação de características agronômicas e de produção de forragem e grãos de milho em diferentes densidades de semeadura e espaçamentos entre linhas
Other Titles: Evaluation of agronomic characteristics and production of forage and grains of corn in differents densities of sowing and row spacings
???metadata.dc.creator???: Alvarez, Cláudio Garcia Durán
Von Pinho, Renzo Garcia
Borges, Iran Dias
Keywords: Zea mays
Arranjo de plantas
Matéria seca
Grãos
Arrangement of plants
Dry matter
Grains
Publisher: Editora da Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.date???: 1-Jun-2006
Citation: ALVAREZ, C. G. D.; VON PINHO, R. G.; BORGES, I. D. Avaliação de características agronômicas e de produção de forragem e grãos de milho em diferentes densidades de semeadura e espaçamentos entre linhas. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 30, n. 3, p. 402-408, maio/jun. 2008.
???metadata.dc.description.resumo???: O milho Zea mays L. é muito utilizado para a produção de forragem e grãos em todo o mundo, devido ao seu grande potencial produtivo e adaptabilidade aos mais diferentes ambientes. Aspectos relacionados ao arranjo de plantas na área, como a densidade, o espaçamento e a arquitetura da cultivar, podem ser determinantes na produção de forragem e grãos. A redução do espaçamento e o aumento da densidade podem aumentar a produtividade e a eficiência operacional na cultura do milho. Visou-se com este trabalho, estudar o comportamento de híbridos de milho de diferentes arquiteturas foliares, submetidos a dois espaçamentos entre linhas e a duas densidades de plantas, em dois anos agrícolas. Em cada ano, foram conduzidos dois experimentos, sendo que no primeiro adotou-se o espaçamento de 0,70 m e no segundo experimento 0,90 m entre linhas. O delineamento utilizado foi o de blocos casualizados em esquema de fatorial 3 x 2, para avaliar os desempenhos de três híbridos (AG1051, AG 9010, DKB440) sob duas densidades de plantas (55.000 e 75.000 plantas ha-1). A redução do espaçamento entre linhas de 0,90 m para 0,70 m proporciona maiores produções de metéria seca (MS) e de grãos de milho, independentemente do ano de plantio e da densidade de plantas. O aumento da densidade de plantas de 55.000 plantas ha-1 para 75.000 plantas ha-1 proporciona aumento na produção de MS e na produção de grãos de milho, independente do ano de plantio e do espaçamento entre linhas. A cultivar AG1051 apresenta as maiores produções de MS e as maiores alturas de plantas e de espigas, independentemente do ano de plantio e do espaçamento adotado. As cultivares AG9010 e DKB440 destacaram-se em relação à produtividade de grãos.
Abstract: Corn Zea mays L. is quite utilized for forage and grain production all over the world, due to its great productive potential and adaptability to the most different environments. Aspects related to the arrangement of plants in the area such as density, spacing and the canopy of the cultivar utilized, may determine forage and grain yield, in addition to other agronomic characteristics. Besides, reduction of spacing and increase of density may increase the crop's operational efficiency. The objective of this work was to investigate the behavior of corn hybrids of different leaf canopies, submitted to two interrow spacings and two densities of sowing, in two years of cultivation. The design utilized in the experiments (row spacings of 0.7 or 0.9 meters) was that of randomized blocks in a 3x2 factorial scheme to evaluate the performances of three hybrids (AG1051, AG9010 and DKB440) at two densities of sowing (55,000 and 75,000 plants.ha–1). The spacing reduction (from 0.90 m to 0.70 m) and the densities of sowing increase (fron 55,000 to 75,000 plants ha–1) provided an increase on both dry matter and grain yield, independently on the spacing being used. The AG1051 cultivar presented the highest dry matter yield, plant and first ear height, independently on the cultivation year and spacing. Cultivars AG9010 and DKB440 had the highest grain yield, independently on the densities of sowing or cultivation year.
Other Identifiers: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542006000300003
???metadata.dc.language???: pt
Appears in Collections:Ciência e Agrotecnologia

Files in This Item:

There are no files associated with this item.

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback