Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6281

Title: Efeito da irradiação (60Co) na frequência fúngica de amendoim in natura em função do tempo de prateleira
Other Titles: Gamma-irradiation effect (60Co) in fungi frequency of peanut in natura and after storage
???metadata.dc.creator???: Prado, Guilherme
Carvalho, Eliana Pinheiro de
Madeira, Jovita Eugênia Gazzinelli Cruz
Morais, Vanessa Andréa Drummond
Oliveira, Marize Silva de
Corrêa, Ricardo Ferracini
Cardoso, Valbert Nascimento
Keywords: Irradiação gama
Aflatoxina B1
Amendoim
Arachis hypogaea
Gamma irradiation
Aflatoxin B1
Peanut
Publisher: Editora da Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.date???: 1-Oct-2006
Citation: PRADO, G. et al. Efeito da irradiação (60Co) na frequência fúngica de amendoim in natura em função do tempo de prateleira. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 30, n. 5, p. 930-936, set./out. 2006.
???metadata.dc.description.resumo???: Foi verificado o efeito da irradiação gama (60Co) na capacidade de destruir a microbiota fúngica, em amendoim em grão, cultivar Tatu Vermelho, da safra 2003 (segundo semestre). Os grãos de amendoim, após a irradiação, foram mantidos à temperatura ambiente em embalagem plástica comercial, durante 180 dias. Para a determinação da porcentagem fúngica foi utilizada a técnica do plaqueamento direto utilizando o meio Ágar Dicloran Rosa de Bengala Cloranfenicol (DRBC), desinfetando ou não os grãos com solução de hipoclorito de sódio. Em grãos de amendoim irradiados e desinfetados externamente, observou-se redução da infecção fúngica a 5 kGy e destruição total de fungos a 10 kGy, após 180 dias de armazenamento à temperatura ambiente. Em grãos irradiados e não desinfetados externamente foram verificados, em função do tempo de armazenamento, aumento da população de fungos com a dose de 1 kGy, redução com a dose de 5 kGy e eliminação total com a aplicação de 10 kGy. A irradiação gama, na dose de 10 kGy ou superior, demonstrou ser um processo eficaz na redução da microbiota fúngica de amendoim em grão, cultivar Tatu Vermelho.
Abstract: Gamma-irradiation effect was verified on the capability of destroying the mycoflora of peanuts grain, Tatu Vermelho cultivar, 2003 crop (second semester). The peanuts grains, after irradiation, were kept at room temperature in plastic bags during 180 days. To determine the percentage of fungi, the direct plating technique was used and the grains were plated out on mycological media dicholoran rose bengal chloranphenicol (DRBC), being desinfected or not with sodium hypochlorite solution. Irradiated and desinfected peanuts was observed a reduction of fungi infection at 5 kGy and total fungi destruction at 10 kGy, after 180 days in storage at room temperature. Irradiated and non desinfected grains showed a increase of fungi population with 1 kGy dose, reduction with 5 kGy dose and total destruction with 10 kGy dose. Gamma-irradiation in 10 kGy dose or higher, showed to be an efficient process to reduce the mycoflora of peanuts, Tatu Vermelho cultivar.
Other Identifiers: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542006000500016
???metadata.dc.language???: pt
Appears in Collections:Ciência e Agrotecnologia

Files in This Item:

There are no files associated with this item.

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback