Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6412

Título: Desempenho de familias do cruzamento entre linhagens de feijões andinos e mesoamericanos em produtividade e resistência a Phaeoisariopsis griseola
Título Alternativo: Performance of common bean families from cross between of andean and mesoamerica lines on grain yield and resistance to Phaeoisariopsis griseola
Autor(es): Bruzi, Adriano Teodoro
Ramalho, Magno Antonio Patto
Abreu, Ângela de Fátima Barbosa
Assunto: Resistência à mancha angular
Melhoramento genético
Herdabilidade
Resistance to angular leaf spot
Genetics breeding
Heritability
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Jun-2007
Referência: BRUZI, A. T.; RAMALHO, M. A. P.; ABREU, Â. de F. B. Desempenho de famílias do cruzamento entre linhagens de feijões andinos e mesoamericanos em produtividade e resistência a Phaeoisariopsis griseola. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 31, n. 3, p. 650-655, maio/jun. 2007.
Resumo: No Estado de Minas Gerais, tem sido constatado que as raças fisiológicas prevalecentes de Phaeiosariopsis griseola (Sacc.) Ferr. infectam predominantemente os feijões mesoamericanos. Os feijões andinos normalmente apresentam boa resistência. A introdução de alelos de resistência de cultivares andinas em cultivares mesoamericanas é uma boa estratégia na obtenção de cultivares adaptadas e resistentes a esse patógeno. Com esse objetivo foi realizado o cruzamento entre a linhagem ESAL 550 (grupo andino e resistente à mancha angular) x Carioca-MG (grupo mesoamericano e suscetível à mancha angular). Após a avaliação das famílias segregantes nas gerações F2:3, F2:4 e F2:5, foram selecionadas linhagens que associavam bom nível de resistência à P. griseola e grãos creme com rajas marrons porém, nenhum deles em condições de ter aceitação comercial.
Abstract: In some regions of Minas Gerais State, prevalent physiological races of Phaeoisariopsis griseola (Sacc.) Ferr. infect mainly cultivars of Mesoamerican origin, but the Andean cultivars are resistant. The introduction of alleles for resistance of Andean cultivars in Mesoamerican cultivars is a good strategy to obtain adapted cultivars with resistance to this disease. With this purpose, the cross between ESAL 550 (Andean group and resistant to angular leaf spot) and Carioca-MG (Mesoamerican group and susceptible to angular leaf spot) was performed. After evaluation of the segregant families in generations F2:3, F2:4 and F2:5, some lines with high resistance to P. griseola and grain type far from market standard were identified.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542007000300008
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback