Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6443

Título: Equações de predição dos valores energéticos dos alimentos para papagaios verdadeiros (Amazona aestiva)
Título Alternativo: Predition equation of energetic values of feeds for blue-fronted parrot (Amazona aestiva)
Autor(es): Saad, Carlos Eduardo do Prado
Ferreira, Walter Motta
Borges, Flávia Maria de Oliveira
Lara, Leonardo Boscoli
Assunto: Equações
Energia metabolizável
Psitacídeos
Equation
Psittacines
Metabolizable energy
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Jun-2007
Referência: SAAD, C. E. do P. et al. Equações de predição dos valores energéticos dos alimentos para papagaios verdadeiros (Amazona aestiva). Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 31, n. 3, p. 876-882, maio/jun. 2007.
Resumo: Objetivou-se com este trabalho estimar, a partir dos resultados encontrados nos ensaios biológicos e análises químicas de 16 alimentos (semente de girassol, aveia, gema de ovo, ovo integral, clara de ovo, germe de trigo, farelo de trigo, milho moído, milho gelatinizado, farelo de girassol, levedura, polpa cítrica, mamão, banana, farelo de soja e soja micronizada), equações para a predição da energia metabolizável aparente (EMA), energia metabolizável corrigida para nitrogênio (EMAn), energia metabolizável verdadeira (EMV) e energia metabolizável verdadeira corrigida para nitrogênio (EMVn) para papagaios verdadeiros (Amazona aestiva) adultos, em manutenção. Baseando-se nas análises bromatológicas de 16 alimentos e nos valores de energia metabolizável (EMA, EMV, EMAn e EMVn) obtidos em papagaios, foram desenvolvidas equações de predição para energia metabolizável de alimentos comumente utilizados em rações e dietas de psitacídeos. Os parâmetros utilizados para os cálculos das equações foram os valores de Matéria Orgânica (MO), Proteína Bruta (PB), Energia Bruta (EB), Fibra Bruta (FB), Extrato Etéreo (EE), Cinzas ou minerais totais (Cz) e Extrativos Não Nitrogenados (ENN), analisados nos alimentos. As equações para predizer a energia metabolizável dos grupos de alimentos foram estimadas através de regressões lineares simples e múltiplas, utilizando-se método de stepwise do pacote estatístico SAS Institute (1995). Os resultados obtidos permitiram concluir que: 1- o EE foi a variável que melhor se correlacionou nas estimativas da energia metabolizável (EMA, EMAn, EMV e EMVn) com alta correlação positiva; 2- embora várias equações tenham apresentado R² acima de 0,90, nenhuma delas foi hábil em predizer a energia metabolizável de todos os alimentos avaliados, provavelmente pela natureza heterogênea dos princípios nutritivos dos alimentos.
Abstract: The objective of this study was to predict the energetics values by using the data set from the metabolism assay and proximal analyses of 16 feeds (sunflower seed, oat, egg yolk, integral egg, egg white, wheat germen, wheat bran, triturated corn, jellied corn, sunflower bran, yeast, citric pulp, papaya, banana, soybean meal, extruded soybean). The prediction equations of the apparent metabolizable energy (AME), apparent nitrogen corrected (AMEn), true (TME) and true nitrogen corrected (TMEn) for blue fronted parrots (Amazon aestiva) adults in the maintenance. Based on the chemical analyses of 16 feeds and in the of metabolizable energy values (AME, TME, AMEn and TMEn) obtained from the assays with parrots, the prediction equations were determined. The parameters used for the calculations of the equations were Organic Matter (OM), Crude Protein (CP), Crude Energy (CE), Crude Fiber (CF), Ethereal Extract (EE), Ashes (As) and Free Nitrogen Extractive (FNE), analyzed in the feds. The equations to predict the metabolizable energy of the groups of feeds were determined through simple and multiple linear regressions, by using the method of stepwise of the SAS statistical package (SAS INSTITUTE, 1995). Accord to the equation it was concluded that : 1 - EE was the variable that was better correlated with the metabolizable energy (AME, AMEn, TME and TMEn) with high positive correlation; 2 - although many equations showed the R2 above 0,90, none of them was able to predict the metabolizable energy for all feeds evaluated, probably due to the heterogeneous nature of the nutrients in the feeds.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542007000300039
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback