Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6466

Título: Potenciação alelopática de extratos vegetais na germinação e no crescimento inicial de picão-preto e alface
Título Alternativo: Allelopathy of plant extracts on germination and initial growth of beggartick (Bidens pilosa L.) and lettuce (Lactuca sativa L.)
Autor(es): Ferreira, Magda Cristiani
Souza, José Roberto Pinto de
Faria, Terezinha de Jesus
Assunto: Eucalyptus citriodora
Pinus elliottii
Bidens pilosa
Lactuca sativa
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Ago-2007
Referência: FERREIRA, M. C.; SOUZA, J. R. P. de; FARIA, T. de J. Potenciação alelopática de extratos vegetais na germinação e no crescimento inicial de picão-preto e alface. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 31, n. 4, p. 1054-1060, jul./ago. 2007.
Resumo: O picão-preto (Bidens pilosa L.) é uma planta daninha muito agressiva, que está presente em quase todo Brasil. O principal método de controle é o químico, porém apresenta elevado impacto ambiental, risco de intoxicação humana e possibilidade de causar fitotoxicidade as culturas. O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito alelopático de extratos etanólicos de Eucalyptus citriodora Hook. e Pinus elliottii L. na germinação e no crescimento inicial de picão-preto e alface (Lactuca sativa L.). Foram testadas quatro concentrações de cada extrato (0,25; 0,50; 1,0 e 2,0 %) além do controle (0,0 %) água destilada com Tween 20 a 0,08 %. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com quatro repetições em condições de laboratório. O extrato de P. elliottii não causou efeito alelopático sobre o picão-preto e o alface. O extrato de E. citriodora reduziu significativamente o índice de velocidade de germinação (IVG) do picão-preto em todas as concentrações testadas quando comparadas com o controle (0,0%), porém para a alface o IVG foi significativo apenas na concentração de 2,0 %. Para o comprimento da raiz não foi possível observar diferença significativa entre os tratamentos para os dois extratos testados tanto para o alface como para o picão preto.
Abstract: Bidens pilosa L. is an aggressive weed found all over Brazil. The main control method for this species is chemical treatment however, causes strong environmental impact, and it has great human contamination risks, and may cause phytotoxity to crops. The objective of this study was to evaluate the effect of ethanolic extracts of Eucalyptus citriodora Hook. and Pinus elliottii L. on seed germination and initial growth of B. pilosa and lettuce (Lactuca sativa L.). Five concentrations of each extract (0.0; 0.25; 0.50; 1.0; 2.0%) were tested in laboratory conditions using a randomized complete block design with four replicates. P. elliottii extract had no effect on B. pilosa and lettuce. However, E. citriodora extract, significantly reduced germination index (GI) of B. pilosa, in all tested concentrations, when compared with the control composed by distilled water. Lettuce GI was affected only by 2,0% concentration of ethanolic extract. Extracts of both P. elliottii and E. citriodora had no significant effect on the root length parameter of both B. pilosa and lettuce.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542007000400017
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback