Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6508

Título: Isolamento e identificação de bactérias presentes nos solos de cobertura utilizados no cultivo do cogumelo Agaricus blazei Murril
Título Alternativo: Isolation and identification of bacteria present in the casing layer utilized to the cultivation of the mushroom Agaricus blazei Murril
Autor(es): Silva, Valdirene Aparecida da
Dias, Eustáquio Souza
Vale, Roberta Hilsdorf Piccoli do
Silva, Romildo da
Moreira, Grazielle Furtado
Assunto: Agaricus blazei
Cogumelo comestível
Microorganismos do solo
Solo - Desinfestação
Edible mushrooms
Soil microorganisms
Soil - Disinfestation
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Out-2007
Referência: SILVA, V. A. da et al. Isolamento e identificação de bactérias presentes nos solos de cobertura utilizados no cultivo do cogumelo Agaricus blazei Murril. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 31, n. 5, p. 1364-1373, set./out. 2007.
Resumo: Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de isolar e identificar bactérias presentes nos solos utilizados como camada de cobertura do cultivo de Agaricus blazei Murril. Foi avaliada a eficiência da desinfestação com vapor d'água e formol nos solos de cobertura. O tratamento com formol apresentou maior redução no número de bactérias na terra de barranco (Latossolo Vermelho distroférrico) e solo de pastagens (Latossolo Amarelo distrófico), enquanto que no solo hidromórfico, oriundo de várzea (Gleissolo Melânico), nenhum dos tratamentos foi eficiente para reduzir a comunidade microbiana. Foram identificadas bactérias do gênero Pseudomonas, Salmonella, Enterobacter e Shigella, dentre outras, denotando que os tratamentos de desinfestação não eliminam bactérias potencialmente benéficas, mas também não eliminam bactérias potencialmente patogênicas. Além disso, os tratamentos de desinfestação também não afetaram a produtividade do cogumelo A. blazei nas condições testadas.
Abstract: The objective of this work was to quantify and to isolate the bacteria present in casing layer used for the cultivation of the Agaricus blazei Murril. It was evaluated the efficiency of the steam and formaldehyde disinfestation in the casing layer. The formaldehyde disinfestation showed a reduction of the bacteria population on the ravine soils (distroferric Red Latosol) and grazing land soil (distrofic Yellow Latosol), while in the hydromorphic soil coming from lowland (Melanic G]/leysol) none of the treatments used were efficient to reduce the bacteria population. Bacteria of the genera Pseudomonas, Salmonella, Enterobacter, Shigella, among others, were identified in all treatments analysed. It was observed that the disinfestation treatments did not eliminate neither potentially beneficial bacteria nor pathogenic bacteria. There was no significant effect of the disinfestation treatments on productivity of A. blazei mushroom. Moreover, the disinfestation treatments did not affect the productivity of the A. blazei in the studied conditions.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542007000500014
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback