Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6585

Título: Avaliação de genótipos de cafeeiros Arabica e Robusta no estado do Acre
Título Alternativo: Evaluation of Arabica and Robusta coffee genotypes in the state of Acre
Autor(es): Bergo, Celso Luis
Pereira, Rita de Cássia Alves
Sales, Francisco de
Assunto: Café
Genótipos de café
Produtividade
Adaptação
Vigor
Coffee
Coffee genotypes
Yield
Adaptation
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Fev-2008
Referência: BERGO, C. L.; PEREIRA, R. de C. A.; SALES, F. de. Avaliação de genótipos de cafeeiros Arabica e Robusta no estado do Acre. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 32, n. 1, p. 11-16, jan./fev. 2008.
Resumo: Conduziu-se este trabalho, com o objetivo de introduzir e avaliar 40 genótipos de cafeeiros das espécies Coffea arabica e Coffea canephora nas condições edafoclimáticas do Estado do Acre, visando disponibilizar aos cafeicultores acreanos, cultivares com melhor potencial produtivo. Da espécie C. arabica foram avaliados genótipos das cultivares Icatu, Bourbon, Mundo Novo, Catuaí, Obatã e Catimor. Da espécie C. canephora foram avaliadas as cultivares Conilon e Robusta, caracterizadas como Grupo Robusta. Os genótipos utilizados foram provenientes do Instituto Agronômico de Campinas (IAC) e da Embrapa Rondônia. O experimento foi conduzido no Campo Experimental da Embrapa Acre, Rio Branco, AC, no período de 1995 a 2004. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com cinco repetições. As características avaliadas foram: produtividade, altura, diâmetro da copa e vigor. Da espécie C. arabica, grupo Icatu, destacou-se Icatu-PR-182039-1(IAC H 4782-7-788) com produtividade média de café beneficiado de 34 sc/ ha, Icatu IAC-4041; Icatu IAC-2945; Icatu IAC-2944-MT; Icatu IAC-4040 e Icatu IAC-4046 com produtividade variando de 20 a 26 sacas. Para o grupo Catuaí os melhores genótipos foram Obatã IAC 4275, Obatã IAC 1169 e Catimor IAC 4466 com produtividade média de café beneficiado de 49, 45 e 37 sacas por hectare respectivamente. Na espécie C. canephora foram avaliados 8 genótipos das cultivares Conilon e Robusta e quanto à produtividade não houve diferença estatística, observou-se incremento de 7 sacas/ha para a variedade Conilon IAC 66-3 quando comparado ao Conilon plantado na região. Nesta espécie os genótipos apresentaram sintomas de deficiência hídrica na época seca (julho/agosto).
Abstract: This work aimed to introduce and evaluate 40 coffee genotypes of Coffea arabica e Coffea canephora species in soil and weather conditions of Acre and had as main goal to provide cultivars to coffee producers with better potential of production. It was evaluated the genotypes Icatu, Bourbon, Mundo Novo, Catuaí, Obatã e Catimor from Coffea arabica species and genotypes Conilon and Robusta from Coffea canephora species. The genotypes were originated from Instituto Agronômico de Campinas (IAC) and Embrapa Rondônia. The study was carried out in the experimental field of Embrapa Acre, Rio Branco, AC from 1995 to 2004 following a randomized block design, with 5 replicates. One studied characteristics such as yield, height, plant diameter and vigor. The best genotype of Coffea arabica species, Icatu group, showed to be the Icatu-PR-182039-1(IAC H 4782-7-788), which yielded 34 sacks/ha of clean coffee; right after came Icatu IAC-4041, Icatu IAC-2945, Icatu IAC-2944-MT, Icatu IAC- 4040 and Icatu IAC-4046 with mean yeld from 20 to 26 sacks. For Catuai group, the best genotypes were Obatã IAC 4275, Obatã IAC 1169 e Catimor IAC 4466 with mean yield of 49, 45 e 37 sacks per hectare of clean coffee respectively. In the Canephora species were evaluated eigth genotypes of conilon and robusta which did not show significant difference among them related to yield, although it was observed a difference of 7 sacks/ha more for the gentotypes IAC 66-3 when compared to the local Conilon. In this group it was noted drought stress during the dry season (July/August) for all the genotypes.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542008000100001
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback