Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6635

Título: Desenvolvimento de cafeeiros enxertados 'Apoatã IAC 2258' cultivados em recipiente de 250 litros
Título Alternativo: Development of coffee trees (Coffea arabica L. L.) grafted in 'Apoatã IAC 2258' grown in recipient of 250 liters
Autor(es): Dias, Fábio Pereira
Mendes, Antônio Nazareno Guimarães
Vallone, Haroldo Silva
Carvalho, Alex Mendonça de
Carvalho, Samuel Pereira de
Assunto: Café
Enxertia
Crescimento vegetativo
Raiz
Nematóide
Coffee
Grafting
Vegetative growth
Root
Nematoid
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Abr-2008
Referência: DIAS, F. P. et al. Desenvolvimento de cafeeiros enxertados 'Apoatã IAC 2258' cultivados em recipiente de 250 litros. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 32, n. 2, p. 385-390, mar./abr. 2008.
Resumo: Visando obter informações sobre o desenvolvimento de duas cultivares de cafeeiros Coffea arabica L. enxertados ou não em Coffea canephora Pierre, cultivar 'APOATÃ IAC 2258' foi instalado e conduzido esse ensaio, de janeiro de 2004 a maio de 2005. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados em esquema fatorial (2 x 3) + 2, com parcelas subdivididas no tempo e quatro repetições, sendo duas cultivares de Coffea arabica L., três tipos de mudas (enxertada, auto enxertada e pé franco), duas testemunhas do porta-enxerto Apoatã pé franco e auto enxertado e quatro épocas. Foram avaliadas altura de plantas, número de ramos plagiotrópicos, número de nós nos ramos plagiotrópicos, massa seca da parte aérea e massa seca do sistema radicular. Os resultados mostraram que a muda enxertada não é superior à muda de pé franco para nenhuma característica avaliada, independentemente da cultivar. Não foi observado efeito do estresse causado pela enxertia, mais sim efeito do porta enxerto Apoatã, para todas as características. As plantas de Apoatã apresentam maior acúmulo de massa seca de raiz que as plantas de C. arabica L.. Não se recomenda a utilização de mudas enxertadas para áreas isentas de nematóides.
Abstract: This study was carried out during the period from January 2004 until May 2005, aimed to obtain information on the development of coffee trees grafted in 'APOATÃ IAC 2258' and ungrafted coffee trees. The experimental design used was a randomized block with a (2 x 3) + 2 factorial split-plot arrangement and four replications, as follows: two C. arabica L. cultivars, three types of seedling (grafted, self-grafted and ungrafted), two Apoatã rootstock control, ungrafted and self-grafted evaluated in four period of time. The experiments were evaluated for plant height, aerial parts dry matter, root system dry matter, plagiotropic shoots number and plagiotropic shoots nodes number. The results obtained let verify that grafted seedling was not superior to the ungrafted one for all the evaluated characteristics, regardless of the cultivar. No stress effect caused by grafting was observed, but Apoatã rootstock effect was observed for all features. Apoatã plants have more root system dry matter than C. arabica L. plants. The use of grafted seedling is not recommended for nematoid-free areas.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542008000200006
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback