Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6704

Título: Temperatura e substrato para o teste de germinação de sementes de pinhão-manso
Título Alternativo: Temperature and substrate for the germination test of physic nut seeds
Autor(es): Martins, Cibele Chalita
Machado, Carla Gomes
Cavasini, Raquel
Assunto: Pinhão manso – Sementes – Qualidade
Germinação – Testes
Sementes oleaginosas
Physic nut – Seeds – Quality
Germination – Testing
Oilseeds
Jatropha curcas
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Jun-2008
Referência: MARTINS, C. C.; MACHADO, C. G.; CAVASINI, R. Temperatura e substrato para o teste de germinação de sementes de pinhão-manso. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 32, n. 3, p. 863-868, maio/jun. 2008.
Resumo: Não existem critérios para a execução de testes de germinação para sementes de pinhão manso publicados nas normas oficiais para análise de sementes. Assim, objetivou-se com esta pesquisa determinar o substrato, temperatura e tempo de contagem para o teste de germinação de sementes de pinhão-manso. Para o teste de germinação utilizaram-se quatro repetições de 20 sementes, contabilizando-se diariamente as plântulas normais até que a germinação cessasse. Inicialmente, foram avaliados os substratos em semeaduras entre vermiculita, em rolo de papel, entre areia e entre solo na temperatura alternada 20-30ºC. Os substratos mais favoráveis à germinação foram avaliados numa etapa seguinte, nas temperaturas constantes de 25, 30 e 35°C e alternadas de 15-35°C; 20-35°C e 20-30°C. Concluiu-se que o teste de germinação de sementes de pinhão-manso deve ser realizado na temperatura alternada 20-30ºC, em substrato areia ou papel e com contagem final aos 10 dias da semeadura.
Abstract: Official rules for seed analysis don't establish criteria to execute germination tests for all species. This way, the aim of this research was to determinate the substrate, temperature and counting time for the germination test of physic nut seeds. For the germination test, four replications of 20 seeds were used, evaluating daily the normal seedlings until the end of germination. Initially, the substrates with sowing in vermiculite, were evaluated in rolled paper towels, in sand and in soil using alternating temperature of 20-30ºC. The most favorable substrates for germination were evaluated with another stage, using constant temperatures of 25, 30 and 35ºC and alternating ones, of 15-35ºC, 20-35ºC and 20-30ºC. One concluded that the germination test of physic nut seeds must be performed with the alternating temperature of 20-30ºC in sand or paper towel and with final counting 10 days after sowing.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542008000300024
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback