Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6808
Título: Qualidade do café natural e despolpado após secagem em terreiro e com altas temperaturas
Autor: Borém,Flávio Meira
Coradi,Paulo Carteri
Saath,Reni
Oliveira,João Almir
Palavras-chave: Café
processamento
secagem e qualidade
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Data: 1-Out-2008
Outras Identificações : http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542008000500038
Descrição: Objetivou-se no presente trabalho verificar a qualidade do café natural e despolpado durante a secagem em terreiro e secagem com ar aquecido a 40º e 60ºC. O trabalho foi realizado no Departamento de Engenharia e no Pólo de Tecnologia em Pós-Colheita do Café da Universidade Federal de Lavras. A colheita do café, cultivar Topázio, foi seletiva. Parte do café foi despolpado e outra parte processado de forma natural. Uma parcela de cada tipo de café foi conduzida para a secagem em terreiro e outra parcela para secagem com temperaturas de 40ºC e 60ºC. Para avaliação da qualidade, foram feitos teste de condutividade elétrica e lixiviação de potássio; determinação de acidez titulável total; teste de acidez graxa; açúcares totais e redutores. Os resultados obtidos permitem concluir que: o tempo para secagem é afetado pelos diferentes tipos de secagem e processamentos; a condutividade elétrica, a lixiviação de potássio, a acidez titulável total e a acidez graxa aumentam com a elevação da temperatura de secagem, independente do tipo de processamento; os açúcares redutores e os açúcares totais diminuem com o aumento da tem peratura de secagem independente do tipo de processamento; a secagem com temperatura de 60ºC afetou negativamente a qualidade do café.
Idioma: pt
Aparece nas coleções:Ciência e Agrotecnologia

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.