Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6863

Título: Análise da dinâmica, estrutura de focos e arranjo espacial da mancha manteigosa em campo
Título Alternativo: Analysis of the dynamics, foci structure and spatial arrangement of the blister spot in the field
Autor(es): Ferreira, Josimar Batista
Abreu, Mário Sobral de
Pereira, Igor Souza
Assunto: Colletotrichum gloeosporioides
Cafeeiro
Epidemiologia
Coffea
Coffee trees
Epidemiology
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Fev-2009
Referência: FERREIRA, J. B.; ABREU, M. S. de; PEREIRA, I. S. Análise da dinâmica, estrutura de focos e arranjo espacial da mancha manteigosa em campo. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 33, n. 1, p. 24-30, jan./fev. 2009.
Resumo: Objetivou-se estudar a dispersão espacial da mancha manteigosa em cafeeiro, por meio de arranjos espaciais e da análise da dinâmica e estruturas de focos da doença durante três anos consecutivos. Nesse período, não houve progresso da doença no campo. Sob plantas doentes, surgiam mudas com sintomas da doença, um indício da transmissibilidade via semente. Constatou-se um total de 10 focos, com média de 2,5 plantas/focos e com tendência desses focos (maior número de plantas sintomáticas) na direção das linhas de plantios, tendo disposição de forma elíptica. Observou-se número elevado de focos unitários, correspondendo a 52% das plantas doentes. Pelas análises de seqüências ordinárias runs e doublet verificou-se padrão espacial aleatório. Tal fato indica que a mancha manteigosa ocorre a partir de plantas isoladas (focos unitários) e que a principal via de transmissão é a semente (semente/planta/semente).
Abstract: The aim of this study was to analyze the spatial dispersion pattern of the blister spot on coffee trees, through spatial arrangements and the analysis of the dynamics and foci structure of the disease during three consecutive years. No disease progress was observed in this area during the period of study. Seedlings showing disease symptoms were found under the canopy of diseased trees, strongly indicating that the disease may be transmitted through the seeds. Ten foci with 2.5 trees per focus were observed in the studied area. The foci were distributed following the plant rows with elliptical shape. Unitary foci predominated in the area in 52% of the diseased trees. Analyses of runs and doublets showed a random spatial pattern of the disease. These results evidenced that the blister spot occurs from isolated plants (unitary foci) and this characteristic may possibly be explained if the seeds are the main disease transmission agent (seed-plant-seed).
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000100003
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback