Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/6911

Título: Consórcio sorgo-soja.XII. efeito de sistemas de corte e arranjo de plantas no desempenho forrageiro do sorgo
Título Alternativo: Sorghum-soybean intercropping XIII cutting systems and plant arrangement on the sorghum forage performance
Autor(es): Santos, Jacinto Pereira
Rezende, Pedro Milanez de
Botrel, Élberis Pereira
Passos, Alexandre Martins Abdão dos
Carvalho, Eudes de Arruda
Carvalho, Everson Reis
Assunto: Massa verde
Matéria seca
Sorghum bicolor
Glycine max
Green mass
Dry matter
Crude protein
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Abr-2009
Referência: SANTOS, J. P. et al. Consórcio sorgo-soja.XII. efeito de sistemas de corte e arranjo de plantas no desempenho forrageiro do sorgo. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 33, n. 2, p. 397-404, mar./abr. 2009.
Resumo: Neste trabalho, objetivou-se avaliar diferentes sistemas de corte, espaçamentos e densidade de semeio no consórcio das culturas de sorgo (Sorghum bicolor L. Moench) e soja [Glycine max (L.) Merrill] na entrelinha, visando à maximização da produção de forragem da cultura de sorgo. Foram conduzidos dois ensaios, nos anos agrícolas 2002/03 e 2003/04 em área experimental do Campus da Universidade Federal de Lavras, em Lavras, MG, em solo classificado como Latossolo Distroférrico típico, textura argilosa, fase cerrado. Utilizaram-se três sistemas de corte, três espaçamentos, duas densidades de semeio na cultura do sorgo e um tratamento adicional (monocultivo do sorgo). O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com três repetições, sendo os tratamentos dispostos em esquema fatorial 3x3x2+1. Os diferentes sistemas de corte e espaçamentos alteraram significativamente os rendimentos de massa verde, matéria seca e proteína bruta, com ênfase para o segundo sistema de corte e espaçamento de 80 cm entre linhas de semeio, que alcançaram melhores desempenhos. As densidades avaliadas não alteraram o rendimento forrageiro. O consórcio sorgo-soja não proporcionou diminuição do rendimento forrageiro da gramínea, quando comparado ao monocultivo.
Abstract: The aim of this work was to evaluate the different cutting systems, spacing, and sowing densities on the intercropping of sorghum (Sorghum bicolor L. Moench) with soybean (Glycine max (L.) Merrill) in the inter-row, in order to maximize the forage production of the sorghum culture. Two trials were carried out on the agricultural years of 2002/03 and 2003/04 at the experimental area of UFLA (Federal University of Lavras) Campus, in Lavras, MG, on soil classified as dystroferric Red Latosol (Oxisol), cerrado phase. Three cutting systems were used, three spacings, two sowing densities of the sorghum crop and one additional treatment (monoculture of sorghum). The experiment was arranged in randomized blocks of 3x3x2+1 factorial scheme with three replications. The different cutting systems and spacings significantly modified the yields of green mass, dry matter, and crude protein, with emphasis on the second cutting system and the 80 cm inter-row sowing spacing, which reached better performances. The tested densities did not significantly modify the forage yield. The intercropping sorghum-soybean system did not provide a decrease in the graminae forage yield when compared to the monoculture.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000200006
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback