Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7013

Título: Adaptabilidade e estabilidade de genótipos de girassol nos estados do Rio Grande do Sul e Paraná
Título Alternativo: Adaptability and stability of sunflower genotypes from the States of Rio Grande do Sul and Paraná
Autor(es): Grunvald, Anna Karolina
Carvalho, Claudio Guilherme Portela de
Oliveira, Ana Cláudia Barneche de
Andrade, Carlos Alberto de Bastos
Assunto: Helianthus annuus L.
Rendimento de grãos
Rendimento de óleo
Grain yield
Oil yield
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Out-2009
Referência: GRUNVALD, A. K. et al. Adaptabilidade e estabilidade de genótipos de girassol nos estados do Rio Grande do Sul e Paraná. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 33, n. 5, p. 1195-1204, set./out. 2009.
Resumo: Neste trabalho, objetivou-se estudar a adaptabilidade e estabilidade de genótipos de girassol nos Estados do Rio Grande do Sul e Paraná, quanto a rendimento de grãos e de óleo. Os dados analisados foram obtidos da Rede de Ensaios de Avaliação de Genótipos de Girassol, coordenada pela Embrapa Soja, entre 2003 e 2007. Os ensaios foram conduzidos em delineamento de blocos ao acaso, com quatro repetições. Os métodos usados foram os de Eberhart & Russel, Lin & Binns e Annicchiarico. Correlações próximas da unidade, em valores absolutos, foram obtidas entre a média geral dos genótipos e os parâmetros de adaptabilidade dos métodos de Lin & Binns e Annicchiarico. Contudo, o método de Eberhart & Russel teve a vantagem de indicar genótipos com adaptação a ambientes específicos. Nesse método, os híbridos Agrobel 959 e Helio 360 e a variedade BRSGira 02 foram considerados ideais, por apresentar bons desempenhos em rendimento de grãos, adaptabilidade geral e boa previsibilidade. Para rendimento de óleo, essas características foram encontradas nos híbridos Agrobel 959 e EXP 1441 e nas variedades BRSGira 01, BRSGira 02 e BRSGira 03.
Abstract: The objective of this paper was to study the adaptability and stability of sunflower genotypes from the states of Rio Grande do Sul and Paraná, according to their grain and oil yield. The analyzed data were obtained from the Official Sunflower Trials Network, coordinated by Embrapa Soja, from the year 2003 to 2007. The experiment was carried out in randomized block design with four replicates. The Eberhart & Russel, Lin & Binns, and Annicchiarico methods were used. Correlations close to the unit in absolute values were obtained between the general average of genotypes and the adaptability parameters of Lin & Bins and Annicchiarico methods. However, the method of Eberhart & Russel had the advantage of indicating genotypes with adaptation to specific environments. According to this method, the hybrids Agrobel 959 and Helio 360, and the variety BRSGira 02 were considered ideal, for showing good performance in yield grain, general adaptability and good previsibility. For oil yield, these characteristics were found in the hybrids Agrobel 959 and EXP 1441 as well as in the varieties BRSGira 01, BRSGira 02, and BRSGira 03.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000500001
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback