Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7014

Título: BAP, 2,4-D e ácido acetilsalicílico na indução e diferenciação de calos em anteras de Coffea arabica L
Título Alternativo: BAP, 2,4-D and acetyl-salicylic acid on the callus induction and differentiation in Coffea arabica L. anthers
Autor(es): Silva, Adelaide Siqueira
Luz, José Magno Queiroz
Rodrigues, Tatiana Michlovská
Bittar, Cecília Alves
Lino, Leandro de Oliveira
Assunto: Reguladores vegetais
Embriogênese direta
Calosidade
Coffea arábica
Plant growth regulators
Direct embryogenesis
Callosity
Coffea Arabica
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Out-2009
Referência: SILVA, A. S. et al. BAP, 2,4-D e ácido acetilsalicílico na indução e diferenciação de calos em anteras de Coffea arabica L. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 33, n. 5, p. 1205-1212, set./out. 2009.
Resumo: O melhoramento genético do cafeeiro por meio de métodos convencionais é um processo demorado para se obter uma nova cultivar. A redução desse tempo é possível através da produção de linhagens homozigóticas, oriundas de dihaplóides obtidas através da cultura de anteras. Objetivou-se aplicar a técnica da cultura de anteras em diferentes cvs. de Coffea arabica L. para induzir a formação de calos e regenerar plântulas di-haplóides, com uso de reguladores vegetais. Os experimentos foram conduzidos no laboratório de Biotecnologia Vegetal da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Anteras das cultivares Mundo Novo LCP-379-19 e Catuaí Vermelho H2077-2-5-44 foram inoculadas em meio MS suplementado com 2,0 mg L-1 de 2,4-D e AAS, nas concentrações de 0; 8; 16; 32 e 64 mg L-1. Calos de 'Catuaí Vermelho 44' foram subcultivados em meio MS acrescido de diferentes concentrações de BAP (0; 2; 4 e 8 mg L-1) e 2,4-D (0; 1; 2 e 4 mg L-1). Tanto para as cvs. Mundo Novo quanto para Catuaí Vermelho 44 o aumento das concentrações de AAS diminuiu a formação de próembrióides nos calos e somente o 2,4-D foi capaz de promover a formação de calos friáveis, porém o equilíbrio da auxina e da citocinina utilizadas no trabalho, favoreceram a produção de calos friáveis.
Abstract: Coffee plant breeding through conventional methods demands a long time to obtain new cultivars. The reduction of this period is possible through the production of homozygous lines, from dihaploids obtained via anther culture. The aim of this study was to apply the anther culture technique on different C. arabica L. cultivars to induce calli formation and to regenerate dihaploid seedlings with the use of plant growth regulators. The experiments were accomplished in the Plant Biotechnology laboratory at Uberlândia Federal University (UFU). Anthers of the cultivars Mundo Novo LCP-379-19 and Catuaí Vermelho H2077-2-5-44 were inoculated on MS medium supplemented with 2.0 mg L-1 2,4-D and ASA at 0, 8, 16, 32 or 64 mg L-1. 'Catuaí Vermelho 44' calli were subcultured on MS supplemented with different concentrations of BAP (0, 2, 4 or 8 mg L-1) and 2,4-D (0, 1, 2 or 4 mg L-1). The increase in ASA concentrations decreased the pro-embryoid formation on calli of both cultivars and only 2,4-D promoted the formation of friable calli. However, the balance of auxin and cytokinin used in this study favored the production of friable calli.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000500002
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback