Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7165

Título: Alterações de cromatina em espermatozóides de ovinos e caprinos avaliadas por azul de toluidina e alaranjado de acridina
Título Alternativo: Chromatin alterations in ram and goat spermatozoa evaluated by toluidine blue and acridine orange
Autor(es): Kamimura, Cristina de Figueiredo
Jacomini, José Octávio
Beletti, Marcelo Emílio
Assunto: Azul de toluidina
Alaranjado de acridina
Espermatozóide
Cromatina
DNA
Toluidine blue
Chromatin
Spermatozoon
Acridine orange
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Fev-2010
Referência: KAMIMURA, C. de F.; JACOMINI, J. O.; BELETTI, M. E. Alterações de cromatina em espermatozóides de ovinos e caprinos avaliadas por azul de toluidina e alaranjado de acridina. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 34, n. 1, p. 212-219, jan./fev. 2010.
Resumo: Reprodutores com espermograma normal podem se comportar como subférteis ou passarem por períodos de subfertilidade. As alterações na cromatina dos espermatozóides são possíveis explicações encontradas para tais comportamentos. Conduziu-se este trabalho, com o objetivo de testar a eficiência de azul de toluidina (AT) e do alaranjado de acridina (AA) na identificação de alterações na compactação de cromatina em espermatozóides de ovinos e caprinos, além de avaliar a correlação entre essas alterações e as de morfologia espermática. Para tal, foram avaliadas amostras de sêmen de 15 ovinos e de 15 caprinos, com dez repetições para cada método por animal. Calcularam-se a média, o desvio padrão (DP) e o coeficiente de variação (CV) para cada técnica e animal. Utilizou-se o teste t-Student para avaliar diferença entre as médias obtidas nos dois métodos. Também foram calculados a correlação de Pearson e os coeficientes kappa ponderado e não ponderado para avaliar a concordância entre os métodos com AT e AA. Foi verificado que nem sempre as anomalias morfológicas de cabeça são acompanhadas por alterações na cromatina identificáveis pelos métodos utilizados neste trabalho. O método AT é mais estável e possui maior sensibilidade do que AA para ambas as espécies, sendo o mais indicado para caprinos. Contudo, em razão de apresentar repetibilidade muito baixa, ambos os métodos não são indicados para avaliação espermática em ovinos.
Abstract: Males with normal spermogram can behave as subfertile or pass for periods of subfertility. Chromatin alterations of spermatozoa can account for such behavior. The objective of the present work was to test the efficacy of toluidine blue (TB) and acridine orange (AO) in the identification of alterations in chromatin compaction in spermatozoa from rams and goats, in addition to evaluate the correlation between those alterations and the ones of spermatic morphology. In order to do that, samples of semen from 15 rams and 15 goats were evaluated with 10 replications for each method. Mean, standard deviation and coefficient of variation were calculated for each animal and technique. Student's t-test was used to evaluate differences between the averages of two methods. Pearson correlation coefficient, weighted and non weighted kappa coefficient were also calculated to evaluate the agreement between methods with TB and AO. It was verified that morphological alterations of head not always are accompanied by alterations in chromatin identified by the methods used in this work. The TB method is more stable and sensitive than AO method for both species and this is most appropriate for goats. However, due to the very low repeatability, both methods are not indicated for evaluating ram spermatozoa.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542010000100027
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback