Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7240

Title: Bioprospecção de isolados de Bacillus promotores de crescimento de milho cultivado em solo autoclavado e natural
Other Titles: Bioprospection of Bacillus isolates promoters of corn growth in natural and sterile soil
???metadata.dc.creator???: Araujo, Fabio Fernando de
Guerreiro, Renato Tadeu
Keywords: Rizobactérias
Auxinas
Controle biológico
Zea mays
Rhizobacterias
Auxin
Biological control
Publisher: Editora da Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.date???: 1-Aug-2010
Citation: ARAUJO, F. F. de; GUERREIRO, R. T. Bioprospecção de isolados de Bacillus promotores de crescimento de milho cultivado em solo autoclavado e natural. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 34, n. 4, p. 837-844, jul./ago. 2010.
???metadata.dc.description.resumo???: Objetivou-se, neste trabalho, selecionar isolados bacterianos do gênero Bacillus em amostras de solo da região oeste paulista e avaliar o efeito de sua inoculação em milho cultivado em duas condições de solo (natural e autoclavado). Trinta e oito isolados bacterianos, caracterizados como Bacillus sp. foram avaliados previamente quanto ao antagonismo a fungos fitopatogênicos e produção de hormônio vegetal (auxinas) em laboratório. Foram selecionados 14 isolados para inoculação de milho cultivado em vasos, em casa de vegetação durante 50 dias. As avaliações efetuadas durante a condução do experimento foram: altura de plantas; número de folhas desdobradas e biomassa seca produzida aos 50 dias após a semeadura. O cultivo do milho em solo autoclavado proporcionou maior número de folhas desdobradas e produção de biomassa na planta. Os isolados bacterianos BRG-2, CAS-2, NGR-1, PNP-2, PRP-2 e TAC-2, destacaram-se como promotores de crescimento do milho, avaliado pela produção de biomassa pela planta aos 50 dias de idade. Dos oito antagonistas avaliados apenas quatro foram promotores de crescimento do milho. A maior produção de AIA não foi uma característica principal dos melhores isolados bacterianos que promoveram o crescimento do milho.
Abstract: The objective of this work was to select bacterial isolates of the genus Bacillus in soil samples of West of the State of São Paulo and to assess the effect of their inoculation in corn growing in two soil conditions (natural and sterilized). 38 bacterial isolates characterized as belonging to the Bacillus genus were previously evaluated regarding their antagonism to phytopathogenic fungi and their production of plant hormones (auxines) in the laboratory. The corn plants were inoculated with 14 Bacillus isolates and grown in in a greenhouse for 50 days. The evaluations made during the conduction of the trial were: plant height, number of leaves and biomass dry weight. The bacterial isolates BRG-2, CAS-2, NGR-1, PNP-2, PRP-2 and TAC-2 were able to promote maize growth. Among the best isolates four were antagonist to phytopathogenic fungi. The AIA production was not the main feature of the best bacterial isolates that promoted the growth of corn.
Other Identifiers: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542010000400007
???metadata.dc.language???: pt
Appears in Collections:Ciência e Agrotecnologia

Files in This Item:

There are no files associated with this item.

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback