Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7371
Título: Influência do descarte involuntário de matrizes no impacto econômico da mastite em rebanhos leiteiros
Título(s) alternativo(s): Influence of involuntary of matrices culling on the economic impact of mastitis in dairy herd
Autor: Demeu, Fabiana Alves
Lopes, Marcos Aurélio
Costa, Geraldo Márcio da
Rocha, Christiane Maria Barcellos Magalhães da
Santos, Glauber dos
Franco Neto, Agnelo
Palavras-chave: Bovinocultura leiteira
Economia
Sanidade animal
Simulação
Animal health
Dairy cattle
Saving
Simulation
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Data: 1-Fev-2011
Referência: DEMEU, F. A. et al. Influência do descarte involuntário de matrizes no impacto econômico da mastite em rebanhos leiteiros. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 35, n. 1, p. 195-202, jan./fev. 2011.
Resumo: Objetivou-se com esta pesquisa, analisar e quantificar a influência do descarte involuntário de matrizes no impacto econômico da mastite em rebanhos leiteiros. A pesquisa foi realizada por meio de simulação no sistema computacional CU$TO MASTITE, considerando rebanhos leiteiros com taxas de descarte de 2, 4 e 6%. Foram considerados como prevenção as despesas com monitoramento (cultura e antibiograma, contagem de células somáticas no tanque e contagem de células somáticas individuais), pré e pós dipping, vacinação, tratamento de vacas secas e manutenção de ordenhadeira. Como medidas curativas consideraram-se os tratamentos de casos clínicos, cuja percentagem foi de 7% das vacas em lactação. O impacto da mastite foi estimado como sendo o total de perdas acrescido das despesas com prevenção e tratamento de casos clínicos. O aumento da taxa de descarte influenciou diretamente no impacto econômico da mastite. O elevado impacto econômico evidencia a necessidade de monitoramento da doença, para diminuírem os prejuízos causados pela mesma. As despesas com tratamento preventivo representaram, no máximo, 9,2% do impacto econômico, o que demonstra vantagem em investir nessa prática, pois ela irá contribuir significativamente para diminuição da contagem de células somáticas no tanque e, consequentemente, para reduzir o impacto econômico da mastite.
Abstract: The objectives of this research were to analyze and quantify the influence of the percentage of involuntary culling of matrices on the economic impact of mastitis in dairy herd. The work was conducted by means of a simulation in the CU$TO MASTITE software, taking into account dairy herds with culling rates of 2, 4 and 6%. The expenditures on monitoring were considered as prevention (culture and ambiogram, bulk tank somatic cell count and individual somatic cell count) pre- and post-dipping, vaccination, treatment of dry cows and maintenance of milking machine. As curative measurements, the treatments of clinical cases (7% of the lactating cows) were considered. The impact of mastitis was estimated as being the total of losses plus expenses with prevention and treatment of clinical cases. The increase of culling rate influenced directly the economic impact of mastitis. The elevated economic impact stresses the need for monitoring the disease to decrease loss. The expenses on preventive treatment account a maximum 9.2% of the economic impact, which demonstrates the advantages of investing in that practice, which it will contribute significantly towards the decrease of the bulk tank somatic cell count and thus reducing the economic impact of mastitis.
Outras Identificações : http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542011000100025
Idioma: pt
Aparece nas coleções:Ciência e Agrotecnologia

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.