Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
Ciência e Agrotecnologia >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7445

Título: Soroprevalência e fatores de risco para Babesia bovis em rebanhos leiteiros na região sul de Minas Gerais
Título Alternativo: Seroprevalence and risk factors for Babesia bovis in dairy cattle from region southern Minas Gerais state, Brazil
Autor(es): Guimarães, Antônio Marcos
Carvalho, André Henrique Oliveira
Daher, Débora Oliveira
Hirsch, Christian
Assunto: Babesiose
Bovino de leite – Doenças
Babesiosis
Dairy cattle – Diseases
Babesia bovis
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Ago-2011
Referência: GUIMARÃES, A. M. et al. Soroprevalência e fatores de risco para Babesia bovis em rebanhos leiteiros na região sul de Minas Gerais. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 35, n. 4, p. 826-832, jul./ago. 2011.
Resumo: Conduziu-se este trabalho, com o objetivo de determinar a prevalência e os fatores de risco associados à soropositividade para Babesia bovis em 556 bovinos leiteiros procedentes de dez propriedades localizadas no sul de Minas Gerais, as quais foram divididas em dois grupos de acordo com a produção média diária de leite: Alta Produção (AP) >2.000 l de leite/dia, e Baixa Produção (BP) 500 l de leite/dia. Os soros foram submetidos à reação de imunofluorescência indireta (RIFI) para pesquisa de anticorpos anti-B. bovis e considerados positivos na diluição de 1:320. A análise estatística foi realizada no programa SPSS 12.0 for Windows e se buscou determinar a associação entre níveis de positividade para B. bovis nos rebanhos e os fatores de risco por meio do Teste Exato de Fischer. Para testar a diferença das médias de soropositividade, foi utilizado o teste T Student e em todos os cálculos considerou-se o grau de significância de 95%. A prevalência média global de bovinos infectados por B. bovis foi de 94,1% (523/556). Não houve diferença significativa na frequência média de anticorpos anti-B. bovis entre as propriedades leiteiras dos grupos de AP (95,97%) e BP (92,22%); e o mesmo resultado foi observado entre os animais jovens e adultos de ambos os grupos. Não foi observada associação significativa entre os fatores de risco avaliados e a taxa de bovinos positivos para B. bovis. A alta prevalência de rebanhos leiteiros soropositivos permite caracterizar, epidemiologicamente, a microrregião de Lavras, sul de Minas Gerais, como área de elevada estabilidade endêmica para B. bovis.
Abstract: The objective of this study was to determine the prevalence and risk factors associated with Babesia bovis infection in 556 dairy cattle from ten properties located in southern Minas Gerais State, Brazil. The herds were divided into two groups according to average daily milk production (liters): I- High Production (HP), >2,000 L milk/day; and II- Low Production (LP), ≤ 500 L milk/day. The serum samples were submitted to the indirect fluorescent antibody test (IFAT) for antibodies anti-B. bovis and they were considered positive at a dilution of 1:320. The statistical analysis was performed using SPSS 12.0 for Windows. It was stated the association between positivity levels for B. bovis in dairy herds and the risk factors (farm size, production system, breed and feeding system) by Fisher exact test. The average prevalence of cattle with B. bovis infection was 94.06% (523/556). There was no significant difference (p>0.05) in the average frequency of antibodies anti-B. bovis between the groups of HP (95.97%) and LP (92.22%), and similar results were observed between young or adult cattle for both groups. The association between risk factors and seroprevalence of B. bovis has not been previously reported (p>0.05). The high prevalence of seropositive dairy herds allows to characterize epidemiologically the microregion of Lavras, south of Minas Gerais State, an area of enzootic stability to B. bovis.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542011000400024
Idioma: pt
Aparece nas coleções: Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback