Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7451
Título: Efeito da época de semeadura de Brachiaria decumbens e de dessecantes em pré-colheita sobre o rendimento de grãos do feijoeiro e a biomassa forrageira em cultivo consorciado
Título(s) alternativo(s): Effect of sowing dates of Brachiaria decumbens and desiccant in pre-harvest on the yield of grain bean and forage biomass in intercropped system
Autor: Carvalho, Abner José de
Carneiro, José Eustáquio de Souza
Ferreira, Lino Roberto
Cecon, Paulo Roberto
Santos, Márcia Vitória dos
Palavras-chave: Integração lavoura-pecuária
Formação de pastagens
Cultura do feijoeiro
Crop-livestock integration
Formation of pasture
Bean crops
Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Data: 1-Out-2011
Referência: CARVALHO, A. J. de et al. Efeito da época de semeadura de Brachiaria decumbens e de dessecantes em pré-colheita sobre o rendimento de grãos do feijoeiro e a biomassa forrageira em cultivo consorciado. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 35, n. 5, p. 893-899, set./out. 2011.
Resumo: Com o objetivo de avaliar a época de semeadura e os efeitos da dessecação da Brachiaria decumbens em consórcio com duas cultivares de feijão (Phaseolus vulgaris L.), foi conduzido um experimento, em Coimbra, MG, em esquema fatorial envolvendo cultivares de feijão (Ouro Vermelho e VC3), duas épocas de semeadura da braquiária (simultânea e na capina do feijão), três tipos de dessecação (sem dessecação, Carfentrazone-ethil e Paraquat), mais dois tratamentos adicionais: os monocultivos do feijão e da braquiária, em DBC com quatro repetições. O feijoeiro foi plantado com semeadora mecanizada, no espaçamento de 0,50 m entre linhas. A braquiária foi semeada com semeadora manual, sempre nas entrelinhas do feijoeiro. Foram avaliados o estande final de plantas e o rendimento de grãos do feijão e a biomassa seca da parte aérea da braquiária, aos 15 e aos 60 dias após a colheita do feijão. Concluiu-se que a cultivar Ouro Vermelho é mais indicada para o consórcio com B. decumbens na safra das águas que a VC3. O retardamento da semeadura da braquiária proporciona maior rendimento de grãos do feijão, mas prejudica a produção de biomassa seca da forrageira. A dessecação na pré-colheita não influencia a produtividade do feijoeiro, mas, quando é realizada com paraquat, prejudica a produção de biomassa seca da forrageira.
Abstract: In order to evaluate different sowing dates and the effect of desiccation on Brachiaria decumbens intercropped with two beans cultivars (Phaseolus vulgaris L.), an experiment was conducted in Coimbra, MG in a factorial design involving two bean cultivars (Ouro Vermelho and VC3), two sowing dates (simultaneous and during bean weeding), three desiccation types (without desiccation, Carfentrazone-ethyl and Paraquat), plus two additional plantings of monoculture bean and brachiaria in DBC with four replications. The beans were seeded by mechanized planting with 0.50 m spacing between the rows. Brachiaria was sown by manual planting between the bean rows. We evaluated the final stand and grain yield of the beans, and the dry biomass of the brachiaria shoots, at 15 and 60 days after the bean harvest. It was concluded that the cultivar Ouro Vermelho was most suitable for intercropping with B. decumbens in the rainy season. Sowing brachiaria after weeding the beans increased the grain yield of the beans, but hindered the production of dry biomass in the brachiaria shoots. Pre-harvest desiccation does not influence the grain yield, but when performed with Paraquat it again hinders the production of dry biomass in brachiaria shoots.
Outras Identificações : http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542011000500005
Idioma: pt
Aparece nas coleções:Ciência e Agrotecnologia

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.