Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
CERNE >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7516

Título: Analysis of the Brazilian cellulose industry concentration (1998 - 2007)
Título Alternativo: Análise da concentração da indústria brasileira de celulose (1998 – 2007)
Autor(es): Coelho Junior, Luiz Moreira
Rezende, José Luiz Pereira de
Ávila, Ednilson Sebastião
Oliveira, Antônio Donizette de
Borges, Luís Antônio Coimbra
Assunto: Forest economy
Concentration indexes
Cellulose
Economia florestal
Celulose
Publicador: UFLA - Universidade Federal de Lavras
Publicação: 1-Jun-2010
Referência: COELHO JUNIOR, L. M. et al. Analysis of the Brazilian cellulose industry concentration (1998 - 2007). Cerne, Lavras, v. 16, n. 2, Apr./Jun. 2010.
Resumo: Este trabalho analisou o grau de concentração da indústria brasileira de celulose, no período de 1998 a 2007, enfatizando os principais indicadores de desempenho do setor. Os dados necessários foram extraídos no Relatório Estatístico da BRACELPA, no período de 1998 a 2007. O grau de concentração foi determinado usando-se os índices: Razão de Concentração (CR); Índice de Herfindahl-Hirschman (HHI); Índice de Entropia de Theil (E) e; o coeficiente de Gini (G). As principais conclusões obtidas foram: Os índices CR(4), CR(8), HHI e Entropia de Theil mostraram-se elevados, apesar das oscilações apresentadas em certos momentos. A desigualdade da indústria medida pelo índice de Gini foi considerada alta, reafirmando a hipótese inicial do trabalho.
Abstract: This work analyzed the Brazilian cellulose industry concentration level between 1998 and 2007, focusing on the sector's main performance indicators. The necessary data was collected from BRACELPA's Statistical Reports during the same period. The concentration level was determined according to the following indexes: Concentration Ratio (CR); Herfindahl-Hirschman Index (HHI); Theil's Entropy Index (E); and the Gini Coefficient (G). The primary conclusions were that the CR(4), CR(8), HHI, and Theil's indexes presented high figures in spite of occasional fluctuations. The inequality of the industry, as measured by the Gini coefficient, was considered high, confirming the initial hypothesis of the work.
Outras Identificações: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-77602010000200013
Idioma: en
Aparece nas coleções: DCF - Artigos publicados em periódicos
CERNE
LEMAF - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback