Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/756

Título: Estratégias visando a seleção de linhagens de feijão resistentes ao mofo branco
Autor(es): Carneiro, Flávia Fernandes
Orientador: Santos, João Bosco dos
Membro da banca: Ramalho, Magno Antonio Patto
Nunes, José Airton Rodrigues
Bruzi, Adriano Teodoro
Teixeira, Hudson
Área de concentração: Genética e melhoramento de plantas
Assunto: Seleção recorrente
Sclerotinia sclerotiorum
Resistência genética
Expressão de gene de resistência
Melhoramento de plantas
Recurrent selection
Genetic resistance
Resistance gene expression
Plant breeding
Data de Defesa: 26-Out-2012
Data de publicação: 2013
Agência de Fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES
Referência: CARNEIRO, F. F. Estratégias visando a seleção de linhagens de feijão resistentes ao mofo branco. 2013. 148 p. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: É de suma importância obter linhagens ou cultivares de feijão mesoamericana, resistentes ao mofo branco, adaptadas às condições de cultivo brasileiras e que atendam às exigências do mercado consumidor. Diante do exposto, objetivou-se: 1) Identificar linhagens/cultivares de feijão e isolados de S. sclerotiorum mais promissores para uso nos programas de melhoramento visando à resistência ao mofo branco; 2) Estudar a agressividade de diferentes isolados de S. sclerotiorum e avaliar o tipo resistência genética de linhagens/cultivares de feijão ao mofo branco; 3) Avaliar se os métodos: análise de variância, GGE biplot e análise dialélica são promissores na avaliação da resistência de linhagens de feijão ao mofo branco e na identificação da agressividade de isolados de S. sclerotiorum; 4) Obter linhagens/cultivares de feijão mesoamericana com alto nível de resistência fisiológica ao mofo branco, porte arbustivo e grão tipo carioca, utilizando a seleção recorrente; 5) Se há possibilidade de maiores ganhos com a seleção; 6) Se a seleção recorrente é eficiente na obtenção de progênies com alto nível de resistência ao mofo branco; 7) Identificar variação na expressão de diferentes genes e sua relação com a resistência do feijoeiro ao mofo branco; 8) Verificar o nível de expressão dos genes durante diferentes tempos de inoculação e; 9) Localizar marcadores associados aos genes de resistência ao mofo branco no genoma do feijoeiro. Os métodos: análise de variância, análise de GGE biplot e análise dialélica, possibilitaram identificar linhagens/cultivares pertencentes ao pool gênico mesoamericano com elevado nível de resistência e estável quando inoculadas com diferentes isolados de S. sclerotiorum. Há diferença entre a agressividade dos isolados, sendo possível selecionar isolados com alta agressividade, estavéis e mais eficientes na discriminação de linhagens/cultivares. É possível obter linhagens/progênies de feijão mesoamericanas com alto nível de resistência fisiológica ao mofo branco e grão tipo carioca, utilizando a seleção recorrente. Há possibilidade de se obter sucesso com a seleção nas gerações e nos ciclos seguintes. Identificou três genes envolvidos com a resistência ao mofo branco em feijoeiro PGIP2, PGIP3 e PGIP4. Estes estão localizados no grupo de ligação LG2 dentro do QTL WM 2.3 que confere resistência ao mofo branco. Portanto, é possível selecionar marcadores que podem auxiliar na seleção para esses genes que conferem resistência ao mofo branco.
It is extremely important to obtain Mesoamerican bean lines or cultivars resistant to white mold, adapted to Brazilian cultivating conditions and that attend the demands of the market. Thus, the objective of this study was to: 1) Identify bean lines/cultivars and S. sclerotiorum isolates most promising for use in breeding programs aiming at resistance to white mold; 2) Study the aggressiveness of different S. sclerotiorum isolates and evaluate the type of bean lines/cultivars genetic resistance to white mold; 3) Evaluate if the methods: analysis of variance, GGE biplot and diallel analysis are promising in assessing the resistance bean strains to white mold and the identification of aggressiveness of S. sclerotiorum isolates; 4) Obtain Mesoamerican bean lines/cultivars with high levels of physiological resistance to white mold, shrub size and carioca type grain, using recurrent selection; 5) If there is a possibility of greater gains with selection; 6) If the recurrent selection is efficient in obtaining progenies with high-level resistance to white mold; 7) Identify gene expression variation of different genes and their relationship with white mold resistance; 8) Verify the level of gene expression during different times of inoculation and; 9) Locate markers associated to genes for resistance to white mold in common bean. The methods: analysis of variance, analysis of GGE biplot and diallel analysis allowed the identification of lines/cultivars belonging to the Mesoamerican gene pool with high resistance levels and stable when inoculated with different S. sclerotiorum isolates. There is a difference between the aggressiveness of the isolates, with the possibility of selecting isolates with high aggressiveness, stable and more efficient in the discrimination of bean lines/cultivars. It is possible to obtain Mesoamerican bean lines/cultivars with high levels of physiological resistance to white mold and carioca type grain, using recurrent selection. There is the possibility of obtaining successful selection in the following generations and cycles. Three genes involved in the resistance to white mold in dry beans PGIP2, PGIP3 and PGIP4, were identified. These are located on the LG2 linkage group within the QTL 2.3 WM, which confers resistance to white mold. Therefore, it is possible to select markers which may assist in the selection for these genes which confer resistance to white mold.
Informações adicionais: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Genética e Melhoramento de Plantas, área de concentração em Genética e Melhoramento de Plantas, para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/756
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Estratégias visando a seleção de linhagens de feijão resistentes ao mofo branco.pdf946,91 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback