Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
Revistas UFLA >
CERNE >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/7711

Title: Dinâmica do uso e cobertura da terra no campus da Universidade Federal de Lavras de 1964 a 2009
Other Titles: Land use and land cover dynamics on the campus of Federal University of Lavras from 1964 to 2009
???metadata.dc.creator???: Ferreira, Elizabeth
Dantas, Antonio Augusto Aguilar
Oliveira, Alcione de
Machado, Rodrigo Villela
Keywords: Sensoriamento remoto
Análise temporal
SIG
Remote sensing
Temporal analysis
GIS
Publisher: UFLA - Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.date???: 1-Mar-2013
Citation: FERREIRA, E. et al. Dinâmica do uso e cobertura da terra no campus da Universidade Federal de Lavras de 1964 a 2009. Cerne, Lavras, v. 19, n. 1, p. 35-42, 2013.
Abstract: This study identified, quantified and analyzed changes in land use and cover on the campus of Federal University of Lavras campus, located in Lavras city (Minas Gerais State). The 2009 QuickBird satellite imagery and 1985, 1979, 1971, 1964 vertical aerial photographs were used to produce a set of land use and land cover maps. The work started with the orthorectification of the QuickBird satellite imagery and vertical aerial photographs. The identification and definition of land cover and land use classes were obtained from field surveys in 2009. First, the land cover and land use maps were made from that information. Finally, the quantification and analysis of changes were performed at the imagery time range. The results showed that in 2009 the "urbanized area class" of the campus reached 65.79 ha and that the most significant increase of this class occurred between the years 1964 (6.24 ha) and 1971 (24.4 ha). The smallest area of "forest land class" found on the campus was 38.38 ha in 1971, and from 1979 on this situation has been improved reaching 113.18 ha of "forest land class" in 2009. For the "water class" there was not any dam constructed yet in the campus before 1971. Most of the campus area, previously used for "agricultural land class" had a significant reduction within this category, from 384.19 ha in 1964 to 271.16 ha in 2009.
Other Identifiers: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-77602013000100005
Description: Neste trabalho, objetivou-se identificar, quantificar e analisar as mudanças ocorridas no campus da Universidade Federal de Lavras, município de Lavras, MG. Imagens do ano de 2009 do satélite QUICKBIRD e fotografias aéreas verticais dos anos de 1985, 1979, 1971 e 1964 foram usadas para produzir uma série de cartas de uso e cobertura da terra. O trabalho teve início com a ortorretificação da imagem de satélite QUICKBIRD e das fotografias aéreas. A identificação e a definição das classes de uso e cobertura da terra foram obtidas a partir de levantamentos de campo em 2009. A partir dessas informações, foram então construídos os mapas de uso e cobertura da terra. Por fim, foram feitas a quantificação e a análise das mudanças ocorridas no período estudado. Os resultados mostraram que: em 1964 a "área urbanizada" do campus que somava 6,24 ha, aumentou para 65,79 ha em 2009 e que o aumento mais expressivo dessa classe ocorreu entre os anos de 1964 (6,24 ha) e 1971 (24,4 ha). O menor valor de área de "vegetação natural" encontrado no campus foi de 38,38 ha em 1971, sendo que, a partir de 1979, essa situação foi alterada e em 2009 o campus apresentou 113,18 ha dessa categoria. Em relação à classe "água", observou-se que antes de 1971 não existia nenhuma represa no campus. A maior parte do campus, antes utilizada para "atividades agrícolas", teve uma redução significativa dessa categoria, de 384,19 ha em1964, para 271,16 ha em 2009.
???metadata.dc.language???: pt
Appears in Collections:CERNE

Files in This Item:

There are no files associated with this item.

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback