Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/8890
Título: Análise SWOT do sistema agroindustrial do amendoim na região de tupã e Marília – SP
Autor: João, Iraci de Souza
Lourenzani, Wagner Luiz
Palavras-chave: Sistema agroindustrial
Amendoim
Competitividade
Análise SWOT
Competitiveness
SWOT analysis
Publicador: Organizações Rurais & Agroindustriais
Data: 20-Set-2011
Referência: JOÃO, I. de S.; LOURENZANI, W. L. Análise SWOT do sistema agroindustrial do amendoim na região de tupã e Marília – SP. Organizações Rurais & Agroindustriais, Lavras, v. 13, n. 2, p. 243-256, 2011.
Resumo: O amendoim (Arachis Hypogaea) é uma oleaginosa consumida mundialmente, sendo a quarta mais cultivada. No Brasil, essa cultura já ocupou posição de destaque, mas atualmente o país é apenas o 19° produtor mundial. O estado de São Paulo é responsável por aproximadamente 78% da produção nacional, possuindo duas grandes regiões produtoras. Procura-se, no presente estudo, analisar o Sistema Agroindustrial do Amendoim na região de Tupã e Marília, devido a grande representatividade desse local na produção e industrialização. Com base em uma pesquisa exploratória realizada com produtores rurais da região, cooperativas, indústrias de alimentos e instituições de apoio regional, foram descritas as principais características do agronegócio regional do amendoim e sistematizadas por meio da metodologia de análise SWOT (Strenghs, Weaknesses, Opportunities and Threats). Pelas análises realizadas comprovou-se que a cultura está em fase de transição e que, embora existam sérios problemas a serem resolvidos, há um ambiente propício para o crescimento e o aumento da competitividade, regionalmente. Há necessidade de ações conjuntas entre elos para trabalharem os pontos fracos e as ameaças que a cultura enfrenta, bem como coordenação mais eficiente que iniba a clandestinidade, o comportamento oportunista, e a quebra de contratos, entre outros gargalos que barram e/ou dificultam o crescimento do Sistema.
Abstract: The peanut is a product with worldwide consumption and it is the fourth in the world production. In the Brazilian agriculture, its culture has held a prominent position, but today the country is only the 19th producer in the world ranking. The state of São Paulo is responsible for approximately 80% of the national production with two major producing regions. This study aims to analyze the peanut agrichain in Tupã and Marília regions because of their importance in the production and industrialization processes of Brazilian peanut agribusiness. Based on an exploratory research with local growers, cooperatives, agroindustries and supportive institutions, the main features of regional peanut agrichain were identified and studied. The method used was the so-called SWOT (Strengths, Weaknesses, Opportunities, and Threats) analysis. The results indicate that this agrichain faces a transition period. Although there are considerable barriers, there are also favorable conditions for increasing its competitiveness. There is a need of a joint action between all links of peanut agrichain to reduce the weaknesses and the threats, and a more efficient coordination to inhibit clandestine business, opportunistic behavior, break contracts, among other obstacles that hinder the growth of the system.
Outras Identificações : http://revista.dae.ufla.br/index.php/ora/article/view/353
Idioma: por
Aparece nas coleções:Organizações Rurais & Agroindustriais

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.