Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9007
Título: O processo de tomada de decisão sob o viés da ecossocioeconomia das organizações: o caso de uma cooperativa catarinense de artesãos
Título(s) alternativo(s): The process of decision-making in light of organizational eco-socio-economics: The case of a cooperative of artisans in Santa Catarina state
Autor: Felski, Henrique
Sampaio, Carlos Alberto Cioce
Dallabrida, Ivan Sidney
Palavras-chave: Processo de tomada de decisão
Racionalidade
Ecossocioeconomia
Cooperativismo
Estratégia de desenvolvimento
Decision making process
Rationality
Eco-socio-economics
Cooperation
Development strategy
Publicador: Organizações Rurais & Agroindustriais
Data: 4-Abr-2011
Referência: FELSKI, H.; SAMPAIO, C. A. C.; DALLABRIDA, I. S. O processo de tomada de decisão sob o viés da ecossocioeconomia das organizações: o caso de uma cooperativa catarinense de artesãos. Organizações Rurais e Agroindustriais, Lavras, v. 12, n. 1, p. 83-97, 2010.
Resumo: Objetivou-se, neste trabalho, analisar os processos de tomada de decisão da Cooperativa de Artesanato de Vime Arte-Rio, situada na zona rural do município de Rio dos Cedros, Santa Catarina. Nessa análise, procura-se avaliar o quanto os processos de tomada de decisão compreendem ou não o modo associativista de seus membros; isso é, se existe uma racionalidade que diverge da utilitarista econômica. Parte-se dos pressupostos que a racionalidade vigente no processo de tomada de decisão da cooperativa contradiz a lógica da predominante na economia de mercado. Essa racionalidade encontra mecanismos de adaptação à lógica da racionalidade da economia de mercado, os quais modificam a cultura, o conhecimento popular e o modo associativo dos membros da cooperativa. A pesquisa vale-se de estudo exploratório de caráter descritivo, utiliza observação participante e enfoca o processo decisório, os diferentes tipos de racionalidade, o conhecimento popular e o cooperativismo sob o viés multidisciplinar da ecossocioeconomia. Concluiu-se que os processos de tomada de decisão da organização encerram racionalidades que se contrapõem. Tal conclusão é importante para a cooperativa, especialmente no momento em que conhecimento popular e vínculos sociais correm o risco de se modificar ao ponto de não serem mais reconhecidos diante da decisão de se adentrar em uma economia de mercado.
Abstract: The objective of this work is to analyze the Arte Rio Cooperative’s decision making process to assess how far it comprehends its members’ cooperative production system, i.e. if there is a logic governing the process that is different from utilitarian economics. It was inferred that the logic involved in the decision making process is contrary to market economy rationality. The cooperative’s decision making process has found mechanisms to adapt to the dictates of the market economy, mechanisms which modify popular culture and knowledge and the cooperative lifestyle of its members. This is a qualitative study supported by bibliographic and document analysis, descriptive exploratory research, participative observation and structured script interviews. In the decision making process, aspects such as popular knowledge and cooperation where highlighted, under the multidisciplinary eco-socio- economic viewpoint, contrasting it to market logic. It was concluded that the cooperative’s decision making process is fraught with conflicting viewpoints. This is especially relevant today when popular knowledge and social bonds tends to change in such a way that will make them unrecognizable due to the entrance in a market economy.
Outras Identificações : http://revista.dae.ufla.br/index.php/ora/article/view/36
Idioma: por
Aparece nas coleções:Organizações Rurais & Agroindustriais

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.