Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Programa de Pós-graduação >
DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9414

Título: Gesso agrícola como adjuvante da lama vermelha na retenção de arsênio e neutralização da drenagem ácida
Autor(es): Lopes, Guilherme
Orientador: Guilherme, Luiz Roberto Guimarães
Membro da banca: Lima, José Maria de
Oliveira, Luiz Carlos Alves de
Área de concentração: Recursos Ambientais e Uso da Terra
Data de Defesa: 25-Fev-2010
Data de publicação: 11-Mai-2015
Referência: LOPES, G. Gesso agrícola como adjuvante da lama vermelha na retenção de arsênio e neutralização da drenagem ácida. 2010. 87 p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: Um dos problemas ambientais mais graves relacionado à mineração de ouro é a drenagem ácida de mina (DAM), a qual geralmente está associada à contaminação por arsênio (As), visto que é comum a presença deste elemento em rochas que contêm ouro. Desta forma, pesquisas em que se avalia o uso de diferentes materiais para a remediação de ambos os problemas assumem grande importância. Objetivou-se com este trabalho: i) caracterizar a lama vermelha (subproduto da indústria de alumínio) e o gesso agrícola (subproduto da indústria de fertilizantes fosfatados) e avaliar o efeito da adição de gesso na lama, visando melhorar a sua capacidade de retenção de As; e, ii) caracterizar dois substratos coletados em áreas de mineração de ouro e avaliar o potencial de neutralização de um substrato usando diferentes doses de lama vermelha (LA), cimento portland (CP) e uma mistura composta de 75% de lama + 25% de gesso (LAG). Após a caracterização química e mineralógica, a lama vermelha e gesso foram misturados, sendo o gesso adicionado à lama vermelha nas doses 0, 1, 2, 5, 10 e 25%. Avaliaram-se nessas misturas, durante a incubação e em lixiviados coletados ao final desta, o pH e condutividade eletrolítica (CE), além de testes de adsorção/dessorção de As. Em outro estudo, a fim de se verificar o potencial de diferentes materiais na neutralização da DAM, os amenizantes LA, LAG e CP foram misturados a um substrato ácido chamado estéril, coletado em uma área de mineração de ouro, nas seguintes proporções: 0, 1, 3, 6, 9 e 12%. Essas misturas, juntamente com outro substrato coletado na mesma área, denominado RPPN (usado neste trabalho como uma referência), foram incubados por 30 dias, sendo determinados, nesses substratos, o pH e a CE, e em lixiviados coletados no final da incubação, o pH, a CE e a concentração de Na. À medida que se aumentaram as porcentagens de gesso na lama vermelha, o pH foi diminuído, a CE foi aumentada até determinada dose de gesso e a capacidade de adsorção de As foi incrementada, sendo observadas menores percentagens dessorvidas de As nos tratamentos que continham gesso, quando comparados com a lama vermelha pura. Os amenizantes estudados, especialmente o CP, apresentaram potencial para a neutralização da acidez do substrato estéril. O pH, a CE e a concentração de Na aumentaram com o incremento na dose dos amenizantes, exceção feita à CE com o amenizante CP, a qual foi diminuída com o aumento na dose do amenizante em questão.
One of the most serious environmental problems related to gold mining is acid mine drainage (AMD). This usually occurs in association with arsenic (As) contamination, as this element is frequently found in gold-bearing minerals. Such a situation creates a need for research evaluating the use of different materials for remediating both problems. This work aimed to: i) characterize red mud (an aluminum industry byproduct) and phosphogypsum (a byproduct of the phosphate fertilizer industry) and to evaluate the effect of the addition of phosphogypsum (G) in red mud (RM) in order to improve its arsenic retention capacity; and, ii) characterize two substrates collected in a gold mining area, assessing the neutralization potential of an acidic substrate by using different doses of red mud (RM), Portland cement (PC) and a mixture of 75% red mud + 25% phosphogypsum (RMG). Red mud and phosphogypsum samples were first chemically and mineralogically characterized and then mixed, with G being added to RM at the following rates: 0, 1, 2, 5, 10 and 25%. Such mixtures were incubated and tested for pH and electrolytic conductivity (EC), as well as adsorption/desorption capacity of As. Additional pH and EC measurements were made in leachates collected at the end of the incubation. In another study testing the potential of different materials for neutralizing AMD, the amendments RM, RMG, and CP were added to an acidic substratum collected in a gold mining area (hereafter called sterile), in the following proportions: 0, 1, 3, 6, 9 and 12%. Theses mixtures together with another substrate collected in the same area (a reference sample taken from a Private Natural Reserve), were first incubated for 30 days and then tested for pH and EC. Leachates collected at the end of the incubation were also tested for pH and EC, as well as for their Na concentration. Increasing the percentage of gypsum added to the red mud caused pH to decrease, EC to increase (up to a certain dose of gypsum) and As adsorption capacity to increase. Smaller percentages of desorbed arsenic were observed in red mud samples treated with gypsum when compared with the pure red mud. All amendments, especially the CP, showed a potential for neutralizing the acidity in the sterile substrate. Increasing the doses of all amendments caused pH, EC, and Na concentration to increase, except for EC measured in the CP-amended substrate, which decreased upon increasing the dose of the amendment.
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo, área de concentração em Recursos Ambientais e Uso da Terra, para a obtenção do título de “Mestre”.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9414
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Gesso agrícola como adjuvante da lama vermelha na retenção de arsênio e neutralização da drenagem.pdf1,35 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback