Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9612
Título : Identificação de Aspergillus spp. toxigênico em arroz
Título(s) alternativo(s): Identification of toxigenic Aspergillus spp. in rice
Autor: Guimarães, Ívina Catarina de Oliveira
Souza, Adriana Régia Marques
Cornélio, Vanda Maria de Oliveira
Pereira, Joelma
Villela, Valéria Andrade
Palavras-chave: Fungos toxigênicos
Micotoxinas
Arroz
Toxigenic fungi
Mycotoxins
Rice
Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Data da publicação: 4-Jan-2009
Referência: GUIMARÃES, I. C. O. et al. Identificação de Aspergillus spp. toxigênico em arroz. Ciência e Tecnologia de Alimentos, Campinas, v. 30, n. 1, p. 60-62, maio 2010.
Resumo : A composição química e o modo de cultivo do arroz o tornam susceptível à contaminação fúngica e, consequentemente, por micotoxinas. Considerando-se o expressivo consumo de arroz e a possibilidade de ser potencial fonte de micotoxinas, especial atenção deve ser dispensada quanto à qualidade do produto adquirido. Assim, o presente trabalho teve como objetivo avaliar espécies do gênero Aspergillus quanto à capacidade toxigênica, em diferentes subgrupos de arroz. As amostras constituíram-se de 31 marcas de arroz referentes aos subgrupos branco polido (21) e parboilizado (10), mais comumente comercializadas na cidade de Lavras – MG. Ao contrário dos outros subgrupos, a incidência de Aspergillus flavus e Aspergillus niger em amostras de arroz branco polido aumentou significativamente após a desinfecção. Pôde-se observar que, 50% dos Aspergillus flavus e 50% dos Aspergillus niger encontrados, foram considerados toxigênicos para o subgrupo branco polido. Na amostra de arroz parboilizado, 67% dos Aspergillus flavus eram potenciais produtores. O Aspergillus ochraceus não se revelou como toxigênico. Este estudo permitiu concluir que, apesar de trabalhos isolados, a presença de fungos toxigênicos em arroz é verídico, o que se torna relevante por se tratar de um cereal importante no cenário mundial.
Abstract: The chemical composition and its methods of cultivation, make rice plants susceptible to fungi and consequently to mycotoxins contamination. Considering the expressive rice consumption and given the possibility that it maybe a potential source of mycotoxins, special attention should be devoted to its quality. Thus, this study was carried out to evaluate the Aspergillus species as to its toxigenic capacities in different rice subgroups. Thirty one and rice brands among the most popular brands sold in the city of Lavras – MG, were collected as samples, (21) polished white and (10) parboiled, respectively. Unlike other subgroups, the incidence of Aspergillus flavus and Aspergillus niger in the samples of polished white rice increased significantly after disinfecting. It was observed that 50% of the Aspergillus flavus and 50% of the Aspergillus niger were considered toxigenic in the white and polished rice subgroup. In the sample of parboiled rice, 67% of the Aspergillus flavus were potential producers. The Aspergillus ochraceus was not toxigenic. This study showed that the toxigenic fungi are present in rice, and this fact is relevant due to the importance of this cereal worldwide.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9612
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DCA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Identificação de Aspergillus spp. toxigênico em arroz.pdf131,23 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons