Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9655
Título: Análise da utilização de agentes de software em redes veiculares híbridas utilizando ZigBee
Título(s) alternativo(s): Analysis of software agents in hybrid vehicular networks using ZigBee
Autor : Costa, Luiz Augusto Guimarães
Primeiro orientador: Lacerda, Wilian Soares
Primeiro membro da banca: Correia, Luiz Henrique Andrade
Macedo, Daniel Fernandes
Área de concentração: Ciência da Computação
Palavras-chave: Transporte de agentes
Comunicação oportunista
Agentes de software
Redes ad hoc
VANET
MANET
Agent ferrying
Opportunistic communication
Software agents
Ad hoc networks
Data da publicação: 22-Mai-2015
Referência: COSTA, L. A. G. Análise da utilização de agentes de software em redes veiculares híbridas utilizando ZigBee. 2015. 68 p. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: As redes veiculares ad hoc (Vehicular Ad Hoc Networks - VANETs) são redes com alta mobilidade onde veículos podem se comunicar um com os outros ou com infra-estrutura nas vias, como também podem transportar dados fisicamente de um ponto ao outro. Como existe uma grande mobilidade dos veículos em uma cidade, a rede veicular precisa de uma capacidade de adaptação rápida ao contexto. Os agentes de software encaixam nesse tipo de problema. Os agentes de software possuem a capacidade de controlar o próprio comportamento e interagir com o ambiente. Podendo se adaptar ao contexto trocando mensagens com os veículos vizinhos e recuperando informações do ambiente. O objetivo desse trabalho é analisar o desempenho de agentes de software em redes veiculares construídas utilizando a abordagem ad hoc e híbrida. Para analisar o desempenho das duas abordagens foram realizadas simulações utilizando o software GRUBiX. Nas simulações os resultados demonstraram que os agentes apresentam desempenho melhores em redes híbridas que em redes ad hoc. Então foi desenvolvido um protótipo baseado em kit com Arduíno e Zigbee para avaliar a viabilidade de uma rede veicular utilizando agentes de software para transportar dados. Os resultados demonstraram a viabilidade na utilização de agentes de software para o desenvolvimento de aplicações em redes veiculares construídas com o padrão Zigbee.
Vehicular Ad Hoc Networks (VANETs) are high mobility networks in which vehicles can communicate with each other or with infrastructures on roads, in addition to allowing them to physically carry data from one point to another. As there is high mobility of vehicles within a city, the vehicular network needs an ability to rapidly adapt to the context. Software agents fit into this kind of issue. They have the ability to control their own behavior and to interact with the environment. Being able to adapt to the context by exchanging messages with neighboring vehicles and retrieving information from the environment. The objective of this study was to analyze the performance of software agents in vehicular networks built using the ad hoc and hybrid approach. To analyze the performance of both approaches, we performed simulations using the GRUBiX software. In the simulations, the results showed that the agents perform better in hybrid networks than in ad hoc networks. Therefore, we developed a prototype based on a kit with Arduino and Zigbee in order to evaluate the feasibility of a vehicular network using software agents to carry data. The results showed the feasibility of using software agents for developing applications in vehicular networks built with the Zigbee pattern.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9655
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DCC - Ciência da Computação - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Análise da utilização de agentes de software em redes veiculares híbridas utilizando ZigBee.pdf3,04 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.