Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9692
Título: Banco de sementes do solo pós-fogo em um mosaico vegetacional no Domínio Atlântico
Autor : Moreira, Aline Martins
Primeiro orientador: Santos, Rubens Manoel dos
Primeiro membro da banca: Nunes, Yule Roberta Ferreira
Menino, Gisele Cristina de Oliveira
Morel, Jean Daniel
Área de concentração: Ciências Florestais
Palavras-chave: Ecologia vegetal
Ecologia do fogo
Sementes florestais
Plant ecology
Fire ecology
Forest seeds
Data da publicação: 27-Mai-2015
Referência: MOREIRA, A. M. Banco de sementes do solo pós-fogo em um mosaico vegetacional no Domínio Atlântico. 2015. 75 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Florestal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: Algumas perturbações podem interferir na dinâmica da comunidade arbórea, como o fogo, que compromete a biodiversidade e a manutenção de processos ecológicos. Em outros casos, as queimadas podem estimular o banco de sementes, favorecendo algumas espécies que evoluíram tendo o fogo como fator de seleção. Em setembro de 2011, houve um incêndio que atingiu grande parte da área de um mosaico vegetacional no município de Lavras, MG e, diante desse contexto, o objetivo desta dissertação é compreender a resposta ecológica pós-fogo de diferentes ambientes, por meio do monitoramento temporal da riqueza, densidade, frequência e abundância de plântulas do banco de sementes do solo. O local de estudos é uma área particular, denominada de Parque Ecológico Quedas do Rio Bonito, com vegetação característica do Domínio Atlântico. Foram coletadas amostras de solos em outubro de 2011, abril de 2012, outubro de 2012, abril de 2013 e outubro de 2013, em 66 pontos distribuídos em oito ambientes com características diferentes. No total, emergiram 11.458 plântulas. A riqueza, na maioria dos ambientes, foi maior nas coletas dos meses de outubro e menor nos meses de abril, mostrando que a sazonalidade climática interferiu no banco de sementes. A curva de rarefação demonstrou que a riqueza do banco de sementes não estabilizou e que o número de espécie por área está aumentando a cada coleta. Os maiores valores de densidade e frequência do banco de sementes foram caracterizados por espécies adaptadas ao fogo ou que têm a quebra de dormência influenciada pelo fogo. De forma geral, o número de espécies aumentou, durante o período de observação, demonstrando que os ambientes estudados estão em estágios iniciais da sucessão ecológica, após o fogo.
Abstract: Some disturbances, such as fire, can interfere in the dynamics of tree communities, compromising the biodiversity and maintenance of ecological processes. In other cases, fires can stimulate seed bank by favoring some species that evolved with fire as a selection factor. In September of 2011, there was a fire that reached a large portion of the area of a vegetation mosaic in the municipality of Lavras, Minas Gerais, Brazil. In this context, the objective of this thesis was to understand the post-fire ecological response of different environments, by means of the temporal monitoring of species richness, density, frequency and abundance of seedlings in the soil seed bank. The study location was the private area of the Parque Ecológico Quedas do Rio Bonito, with vegetation characteristic of the Atlantic Domain. We collected soil samples in October of 2011, April and October of 2012 and April and October of 2013, in 66 points distributed in eight environments with different traits. A total of 11.458 seedlings emerged. Species richness in most environments was higher in the samplings performed in October and lower in April, indicating that the seasonality affected the seed bank. The rarefaction curve showed that the species richness of the seed bank did not stabilize and that the number of species per area is increasing at each sampling. The highest values of density and frequency of the seed bank were characterized by species adapted to fire or species able to break dormancy with the influence of fire. In general, the number species increased during the observation period, demonstrating that the studied environments are in initial stages of ecological succession after the fire.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9692
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DCF - Engenharia Florestal - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Banco de sementes do solo pós-fogo em um mosaico vegetacional no Domínio Atlântico.pdf843,21 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.