Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9786
Título: Proposta de taxa de manejo dos resíduos sólidos urbanos gerados no município de São João Batista do Glória – MG
Autor : Wenceslau, Gilson de Oliveira
Primeiro orientador: Oliveira, Luiz Fernando Coutinho de
Primeiro membro da banca: Ribeiro, André Geraldo Cornélio
Segundo membro da banca: Carvalho, Rita de Cássia Ribeiro
Palavras-chave: Coleta seletiva
Reciclagem
Recycling
Data da publicação: 19-Ago-2015
Referência: WENCESLAU, G. de O. Proposta de taxa de manejo dos resíduos sólidos urbanos gerados no município de São João Batista do Glória – MG. 2015. 96 p. Dissertação (Mestrado em Tecnologias e Inovações Ambientais) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
Resumo: Apesar das diretrizes estabelecidas pelas Leis de Saneamento Básico e Política Nacional de Resíduos Sólidos, há uma grande dificuldade dos municípios brasileiros em promover uma gestão adequada dos resíduos sólidos urbanos (RSU), devido aos gastos com cada etapa do processo. Entretanto, diversas cidades do Brasil enfrentam dificuldades técnicas e financeiras por não saberem de fato, como calcular a taxa de resíduos sólidos para cidades com até 20.000 habitantes, considerando principalmente o princípio do poluidor-pagador. Neste contexto encontra-se o município de São João Batista do Glória, MG, que ainda não estabeleceu o sistema de cálculo para cobrança de tarifa ou taxa de manejo de RSU. Assim sendo, considerando a taxa de manejo de resíduos sólidos urbanos ser uma importante ferramenta para recuperação dos custos da gestão, este trabalho procurou apresentar uma proposta utilizando-se a metodologia sugerida por alguns autores, com adequações e adaptações à realidade de São João Batista do Glória, MG. Desta forma, visando elaborar proposta de taxa de manejo de RSU para o referido município, fez-se necessário diagnosticar a geração de RSU, o sistema de coleta (convencional e seletiva) e o sistema da Unidade de Triagem e Compostagem (UTC). Com base nos levantamentos dos custos das operações de coleta (seletiva e convencional), tratamento e disposição dos RSU de São João Batista do Glória, foi possível apresentar uma proposta de valor de taxa de manejo de resíduos sólidos para o município pesquisado. A proposta de valor para a taxa de manejo de resíduos sólidos é de R$ 15,25 economia mês-1, sendo que para composição do calculo foram levados em consideração os custos das operações de coletas (seletiva e convencional), tratamento e disposição, bem como a necessidade de investimentos na estrutura de manejo de RSU para horizonte de 20 anos.
Abstract: Despite the guidelines established by the Leis de Saneamento Básico and the Política Nacional de Resíduos Sólidos, there is a great difficulty for municipalities to promote the proper management of municipal solid waste (MSW) due to the expenses of each step of the process. However, several cities in Brazil face technical and financial difficulties for not knowing how to calculate the rate of solid waste in towns with up to 20,000 inhabitants, especially considering the principle that the polluter should pay. In this context lies the city of São João Batista do Glória, MG, which has not established a calculation system for billing rate or MSW management fee yet. Therefore, considering that the management fee of municipal solid waste is an important tool for recovering management costs, this study sought to present a proposal using the methodology suggested by some authors, with adjustments and adaptations to the reality of São João Batista do Glória, MG. Thus, aiming at drafting a proposal for MSW management fee for that municipality, it was necessary to diagnose the generation of MSW, the collection system (conventional and selective) and the system of Screening and Composting Unit (UTC). Based on surveys on collection operation costs (selective and conventional), treatment and disposal of São João Batista do Glória's MSW, it was possible to offer a value to the management fee of solid waste for the city of this study. The proposed value for solid waste management fee is R$ 15.25 economy month-1 and to calculate it, collection operation costs (selective and conventional), treatment and disposal as well as the need for an investment in MSW management structure to a 20 year horizon were considered.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9786
Idioma: por
Aparece nas coleções:DCF - Tecnologias e Inovações Ambientais - Mestrado Profissional (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.