Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Programa de Pós-graduação >
DCF - Tecnologias e Inovações Ambientais - Mestrado Profissional (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9799

Title: Determinação do valor de prevenção para cromo em solos do estado de Minas Gerais
???metadata.dc.creator???: Marques, Erica Alves
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Marques, João José Granate de Sá e Melo
???metadata.dc.contributor.referee1???: Guilherme, Luiz Roberto Guimarães
???metadata.dc.contributor.referee2???: Fernandes, Luiz Arnaldo
Keywords: Elementos traços
Trace elements
Cromo
Chromium
???metadata.dc.date.submitted???: 27-Mar-2015
Issue Date: 21-Aug-2015
Citation: MARQUES, E. A. Determinação do valor de prevenção para cromo em solos do estado de Minas Gerais. 2015. 93 p. Dissertação (Mestrado em Tecnologias e Inovações Ambientais)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
???metadata.dc.description.resumo???: Apesar da essencialidade de alguns dos elementos-traço (ETs) ser comprovada para plantas e animais, quando encontrados acima de limites permissíveis estes podem causar diversos desequilíbrios ecológicos. Dentre os ETs, o Cr é objeto de estudo do presente trabalho, pois quando encontrado em concentrações elevadas e, sobretudo em estado de oxidação diferente de III é potencialmente perigoso à saúde humana e ao equilíbrio ambiental Nesse sentido esta pesquisa concentra-se nos efeitos do Cr em plantas e classes de solos predominantes do Estado de Minas Gerais, tendo como objetivo estimar um valor de prevenção de Cr no solo que proteja uma população de plantas. O experimento foi conduzido em casa de vegetação do Departamento de Ciência do Solo da Universidade Federal de Lavras/UFLA, Lavras – MG (44° 55 W; 21° 05 S), segundo as recomendações da Resolução CONAMA 420 de 2009, IS0 11.269-2. Foram selecionadas duas classes de solo do Estado de Minas Gerais consideradas representativas. Os solos foram classificados como Latossolo e Cambissolo. As espécies de plantas foram Zea mays e Phaseolus aureus. Os tratamentos consistiram de oito doses de Cr (0, 5, 10, 20, 45, 90, 200 e 400 mg kg-1 de solo seco) aplicados em solução sob a forma de dicromato de potássio. Os efeitos dos tratamentos sobre as espécies vegetais foram avaliados por meio da medição da altura de parte aérea, comprimento de raiz, massa seca da parte aérea, massa seca de raiz. Os dados foram submetidos a modelos não lineares por meio do programa STATISTIC 7.0. O valor de VP estimado encontrado neste trabalho foi de 292 mg kg-1. Enquanto que o valor atual preconizado pela legislação é de 75 mg kg-1. Conclui-se que diferentes doses de Cr no solo alteram o desenvolvimento da cultura do milho e do feijão com relação a sua altura e biomassa. Atributos como pH e C orgânico não se alteram com relação ao aumento das doses de Cr adicionadas ao solo. Para CXbd na cultura do milho, VP originado por HC5 é um valor mais restritivo que VP originados de HC50, o valor de 292 mg kg-1 encontrado pode ser usado como ponto de partida para estudos futuros.
Abstract: Despite the proven essentiality of a few trace elements (TEs) for plants and animals, when found above permissible limits, they can cause many ecological imbalances. Among the TEs, Chromium is the object of study of the present paper given that, when found in elevated concentrations and, above all, in state of oxidation different then III, it is potentially dangerous to human health and to environmental balance. In this sense, this research concentrates itself on the effects of Cr over plants and soil classes predominant in the state of Minas Gerais, Brazil, aiming at estimating a prevention value (PV) for Cr in soil able to protect a plant population. The experiment was conducted in a greenhouse of the Soil Science Department of the Universidade Federal de Lavras (UFLA), in Lavras, MG (44o 55W; 21 o 05 S), according to recommendations of CONAMA Resolution 420 of 2009, ISO 11,269-2. We selected two representative soil classes from the state of Minas Gerais. The soils were classified as Oxisol and Cambisol. The plant species were Zea mays and Phadeolus aureus. The treatments consisted of eight doses of Cr (0, 5, 10, 20, 45, 90, 200 and 400 mg kg-1 of dry soil) applied in solution in the form of potassium dichromate. The effects of the treatments over the plant species were evaluated by means of measuring aerial part height, root length, aerial part dry mass and root dry mass. The data were submitted to non-linear models by means of the program STATISTIC 7.0. The PV value estimated was of 292 mg kg-1, while the current value foreboded by legislation is of 75 mg kg-1. We conclude that different doses of Cr in the soil alter the development of maize and beans regarding height and biomass. Attributes such as pH and organic C do not alter in relation to the increase of Cr doses added to the soil. For CXbd of the maize culture, the PV originated by HC5 is a more restrictive value than that originated by HC50. The established value of 292 mg kg-1 can be used as starting point for future studies.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/9799
???metadata.dc.language???: por
Appears in Collections:DCF - Tecnologias e Inovações Ambientais - Mestrado Profissional (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTACAO_Determinação do valor de prevenção para cromo em solos do.pdf1.77 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback