Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/826
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorAndrade, Marcela Carvalho-
dc.date.accessioned2013-07-16T13:26:06Z-
dc.date.available2013-07-16T13:26:06Z-
dc.date.copyright2013-
dc.date.issued2013-
dc.date.submitted2012-02-16-
dc.identifier.citationANDRADE, M. C. Capacidade combinatória de linhagens de tomateiro em híbridos do tipo italiano. 2012. 36 p. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/826-
dc.descriptionDissertação apresentada a Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agronomia/Fitotecnia, área de concentração em Produção Vegetal, para a obtenção do título de Mestrept_BR
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPqpt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRASpt_BR
dc.rightsacesso abertopt_BR
dc.subjectSolanum lycopersicumpt_BR
dc.subjectTomate italianopt_BR
dc.subjectDialelo parcialpt_BR
dc.subjectPartial diallelpt_BR
dc.titleCapacidade combinatória de linhagens de tomateiro em híbridos do tipo italianopt_BR
dc.typedissertaçãopt_BR
dc.publisher.programDAG - Programa de Pós-graduaçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFLApt_BR
dc.publisher.countryBRASILpt_BR
dc.description.concentrationProdução Vegetalpt_BR
dc.contributor.advisor1Maluf, Wilson Roberto-
dc.contributor.referee1Gomes, Luiz Antonio Augusto-
dc.contributor.referee1Silva, Ernani Clarete da-
dc.description.resumoO segmento de tomate do tipo Italiano, que se caracteriza por frutos com relação comprimento/diâmetro próxima de 2, tem mostrado tendência de expansão de cultivo, devido às suas características intrínsecas, como sabor adocicado e coloração vermelha intensa, despertando o interesse de consumidores que buscam frutos com diferentes tipologias e qualidade. Neste contexto, objetivou-se conhecer a capacidade combinatória de linhagens de tomateiro potencialmente utilizáveis como genitoras de híbridos do tipo italiano. O experimento constituiu-se de 18 híbridos, correspondentes a um dialelo parcial, constituído pelo cruzamento entre dois grupos de linhagens: Grupo I (9 genitores femininos) e Grupo II (2 genitores masculinos). Foram avaliados produção total, massa média de frutos, firmeza, formato e teor de sólidos solúveis. Houve predominância dos efeitos gênicos aditivos para todas as características avaliadas. As variações entre as CGC foram maiores dentro do Grupo II do que dentro do Grupo I, para todas as características estudadas, exceto formato de fruto. As linhagens TOM-542 e TOM-734, pertencentes ao Grupo I, e TOM-720, ao Grupo II, apresentaram estimativas elevadas de CGC para a maioria das características de importância para o segmento de tomate italiano, portanto, recomendadas para a obtenção de híbridos deste tipo. A superioridade da linhagem TOM-723 sobre TOM-720 no Grupo II, quanto à firmeza de frutos, foi atribuída, principalmente, à presença, na primeira, do alelo norA, que condiciona maior conservação pós-colheitapt_BR
dc.description.resumoThe Italian-type tomato fresh market segment, identified by a fruit length/diameter ratio close to 2, has become increasingly popular due to its recognized fruit quality, sweeter flavor and intense red color, which raise consumer’s interest. Our objective was to study the combining ability of tomato lines potentially useful as parents in the development of new Italian-type hybrids. The trial comprised 18 hybrids, obtained according to an incomplete diallel cross among two groups to tomato lines: Group I (9 seed parents) and Group II (2 pollen parents). Traits under study were total yield, mean fruit mass, fruit firmness, shape and percent soluble solids. Additive gene effects were more important than non-additive effects for all traits studied. General combining ability (CGA) among the lines varied more widely within Group II than within Group I for all traits except fruit shape. Group I lines TOM-542 and TOM-734, and Group II line TOM-720 presented large GCA estimates for the majority of the traits, and are therefore recommended as parents in the development of Italian-type hybrids. Better GCA of Group II line TOM-723 over that of line TOM-720 for fruit firmness was primarily attributed to the presence, in the former, of the allele norA, which conditions increased shelf lifept_BR
dc.subject.cnpqCNPQ_NÃO_INFORMADOpt_BR
Appears in Collections:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Mestrado (Dissertações)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.