Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Ecologia Aplicada - Mestrado (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10859

Title: Efeitos do ecossistema no hábito alimentar de peixes: uma comparação entre lagoas e corpo do reservatório
???metadata.dc.creator???: Guedes, Alexandre Gontijo Guimarães
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Faria, Lucas Del Bianco
???metadata.dc.contributor.referee1???: Passamani, Marcelo
???metadata.dc.contributor.referee2???: Santos, Gilmar Bastos
Keywords: Alimentação
Sazonalidade
Tamanho do habitat
Rio das mortes
Feeding
Seasonality
Habitat size
Mortes river
???metadata.dc.date.submitted???: 7-Aug-2015
Issue Date: 29-Feb-2016
???metadata.dc.description.sponsorship???: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Citation: GUEDES, A. G. G. Efeitos do ecossistema no hábito alimentar de peixes: uma comparação entre lagoas e corpo do reservatório. 2015. 67 p. Dissertação (Mestrado em Ecologia Aplicada)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2015.
???metadata.dc.description.resumo???: Este estudo teve como objetivo caracterizar a alimentação das espécies de peixes mais abundantes encontradas nas lagoas marginais do Rio das Mortes, MG e em sua foz, no reservatório do Funil, e avaliar o efeito da estação do ano e do tipo de ambiente, tamanho e formato das lagoas sobre a composição da alimentação e o peso do alimento ingerido pelas espécies. Foram realizadas coletas nos meses de Agosto e Outubro de 2013, referentes ao período de seca, enquanto Fevereiro e Abril de 2014 representaram a estação chuvosa. Peixes foram capturados com o auxílio de redes de emalhar dos tamanhos 2.4, 3, 4, 5, 6, 7 e 8 cm entre nós opostos, em três lagoas marginais, oito lagoas criadas com o enchimento do reservatório e quatro pontos no corpo do reservatório. Os indivíduos coletados foram fixados em formalina 10%, e posteriormente conservados em álcool 70%. As oito espécies de peixes mais abundantes foram selecionadas para o estudo da alimentação através da análise de conteúdo estomacal. As espécies se alimentaram de um total de 37 itens alimentares, entre autóctones e alóctones, de origem animal e vegetal.A composição da alimentação de nenhuma das espécies foi influenciada pela sazonalidade, mas Astyanaxfasciatus, Geophagus brasiliensis e Hopliasmalabaricus apresentaram diferenças significativas em relação ao peso ingerido, se alimentando em maiores quantidades na estação seca. O ambiente amostrado produziu diferenças na composição da alimentação das duas espécies de lambari, A. altiparanae e A. fasciatus, sendo que a dieta de indivíduos capturados nas lagoas marginais foi mais herbívora. O peso do alimento ingerido pelas espécies A. fasciatus e S. nasutus foi influenciado pelo ambiente em que foram capturadas, sendo que ambas se alimentaram em menores quantidades no corpo do reservatório.O peso do alimento ingerido por H. malabaricus diminuiu com o aumento do perímetro da lagoa. O ciclo hidrológico não se mostrou o fator mais importante para influenciar a alimentação das espécies, mas sim o tipo de ambiente em que os indivíduos foram capturados.
Abstract: The aim of this study was to characterize the diet of the most abundant fish species found in floodplain lagoons of the Mortes River, MG, and in its discharge mouth, in the Funil reservoir, and evaluate the effects of season, type of habitat, size and shape of the lagoon on the diet composition and weight ingested by the species. Samples were collected in August and October 2013, for the dry period, while February and April 2014 represented the rainy season. Fish were captured with gill nets of 2.4, 3, 4, 5, 6, 7, and 8cm mesh sizes in three floodplain lagoons, eight lagoons created by the filling of the reservoir and four sites at the body of the reservoir. The collected samples were fixed in a 10% formalin solution and then conserved in 70% ethanol. The eight most abundant fish species were selected for a diet study trough analysis of stomach contents. The species were feda total of 37 items, allocthonous and autochtonous, of animal and vegetable origin. Neither of the species diet composition was influenced by season; however, Astyanax fasciatus, Geophagus brasiliensis and Hopliasmalabaricus showed significant differences iningestedweight, being fedlarger quantities during the dry season. The type of sampled habitat produced differences in the diet composition of the two species of characin, A.altiparanae and A. fasciatus, in a way that the diet of the individuals captured on the floodplain lagoons was more herbivorous. The weight of the food ingested by the species A. fasciatus and S. nasutus was influenced by the habitat they were in, withboth fed smaller quantities in the reservoir main body. The weight of the food ingested by H. malabaricus decreased with the increase inlago on perimeter. The season was not found to be the main factor to influence the species diets, as much as the type of habitat where they were captured.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/10859
Publisher: Universidade Federal de Lavras
???metadata.dc.language???: por
Appears in Collections:DBI - Ecologia Aplicada - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO_Efeitos do Ecossistema no hábito alimentar de peixes uma comparação entre lagoas e corpo do reservatório.pdf717.57 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback