Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12529
Título : Quantificação de compostos fenólicos e ácido ascórbico em frutos e polpas congeladas de acerola, caju, goiaba e morango
Título(s) alternativo(s): Quantification of phenolic compounds and ascorbic acid in fruits and frozen pulp of acerola, cashew, strawberry and guava
Autor: Freire, Juliana Mesquita
Abreu, Celeste Maria Patto de
Rocha, Denise Alvarenga
Corrêa, Angelita Duarte
Marques, Natália Rodrigues
Palavras-chave: Frutos in natura
Polpas congeladas
Atividade antioxidante
Compostos fenólicos
Fresh fruits
Frozen pulps
Antioxidant activity
Phenolic compound
Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Data da publicação: Dez-2013
Referência: FREIRE, J. M. et al. Quantificação de compostos fenólicos e ácido ascórbico em frutos e polpas congeladas de acerola, caju, goiaba e morango. Ciência Rural, Santa Maria, v. 43, n. 12, p. 2291-2296, dez. 2013.
Resumo : O crescente interesse da população pela promoção da saúde vem despertando a atenção dos consumidores por alimentos ricos em antioxidantes, combinado com a praticidade do consumo de sucos de frutos processados. O presente trabalho objetivou quantificar e avaliar a capacidade antioxidante de compostos fenólicos e ácido ascórbico em frutas in natura e polpas congeladas. As frutas in natura e polpas congeladas obtidas na região de Lavras - MG foram submetidas à quantificação de compostos fenólicos e ácido ascórbico e os respectivos extratos acetônico-etanólico e acetônico-metanólico. Foram determinadas suas atividades antioxidantes pelos métodos radicalares DPPH e ABTS. O extrato acetônico-metanólico foi mais efetivo para extrair os compostos antioxidantes das amostras. Apenas as polpas congeladas de acerola apresentaram uma redução do teor de compostos fenólicos em relação ao fruto. Para o teor de ácido ascórbico, houve uma redução nas polpas congeladas de acerola e goiaba. As amostras de acerola apresentaram os maiores teores de compostos fenólicos, ácido ascórbico e atividade antioxidante em relação aos demais frutos analisados.
Abstract: The growing public interest in health- promotion, has called the attention of consumers for foods rich in antioxidants, combined with the practicality of the consumption of processed fruit juices. Therefore, this study aimed to quantify and evaluate the antioxidant capacity of phenolic compounds and ascorbic acid in fruits "in natura" and frozen pulps. The fruits "in natura" and frozen pulps from region of Lavras-MG, underwent quantification of phenolic compounds, ascorbic acid and the corresponding extracts acetonic-ethanolic and acetonic-methanolic. Their antioxidant activities were evaluated by DPPH and ABTS radical methods. The extract acetonic-methanolic was more effective to extract the antioxidant compounds from samples. Only frozen acerola pulps showed lower content of phenolic compounds in relation to fruit. For ascorbic acid, there was a reduction in the frozen pulp of acerola and guava. Acerola samples showed higher content of phenolic compounds, ascorbic acid and antioxidant activity compared to other fruits analyzed.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/12529
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DQI - Artigos publicados em periódicos



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons